Tamanho do texto

A televisão estatal do Irã censurou o escudo da Roma no confronto contra o Barcelona. O símbolo apresenta uma loba amamentando duas crianças

A televisão estatal do Irã censurou o escudo da Roma durante a transmissão da partida contra o Barcelona pela Liga dos Campeões da Europa, na última quarta-feira.  A emissora cobriu as mamas da Lupa Capitolina , loba que representa as narrativas sobre a origem da capital italiana e que aparece no escudo do clube giallorosso.

Leia também: Em jogo de gols contra, Barcelona goleia Roma na Champions; Liverpool vence City

Escudo da Roma
Reprodução
Escudo da Roma

Ao longo da transmissão, quando o distintivo da Roma era exibido, o canal desfocava as quatro mamas do animal, que estão amamentando os gêmeos fundadores da cidade, Rômulo e Remo.

"Há 3 mil anos, Rômulo e Remo foram privados do leite de sua mãe, mas a emissora estatal iraniana privou-os do leite da loba", escreveu em suas redes sociais o jornalista esportivo iraniano Mehdi Rostampour, que mora na Dinamarca.

Leia também: Ex-Borussia Dortmund, Thomas Tüchel será o novo técnico do PSG, diz site

Escudo da RMa desfocado na TV iraniana
Reprodução
Escudo da RMa desfocado na TV iraniana

A imagem da Lupa Capitolina é um dos maiores símbolos da cidade de Roma, já que reproduz a lenda da fundação da capital italiana. Em campo, o clube giallorosso perdeu por 4 a 1 e viu sua classificação para as semifinais da Liga dos Campeões ficar mais distante.

Em janeiro de 2016, a "cidade eterna" e o Irã, uma teocracia xiita, já haviam protagonizado outra polêmica parecida, quando estátuas nuas de um museu público da capital italiana apareceram cobertas durante uma visita do presidente do país persa, Hassan Rohani.

Roma x Barcelona

Jogando em casa, o Barcelona dominou a Roma em quase todos os monentos da partida, mas precisou de dois gols contra para abrir vantagem no placar. O primeiro saiu após De Rossi tentar cortar um cruzamento, o segundo foi de Manolas, em um lance de muito azar. Piqué ainda aumentou a vantagem do Barça, mas Dzeko diminuiu no final da partida e poderia ter dado uma sobrevida ao time italiano. No entanto, Suárez marcou seu primeiro gol na Liga dos Campeões e colocou o clube espanhol em uma excelente posição no confronto.

Leia também: Árbitros são ameaçados e recebem balas de pistola dentro de envelopes

Na partida de volta, a  Roma precisa vencer por 3 a 0 ou por uma vantagem maior do que quatro gols para avançar as semifinais da Liga dos Campeões. Já o Barcelona pode até perder por dois gols de diferença que ainda estará classificada entre os quatro melhores times do continente.

    Leia tudo sobre: Futebol

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.