Tamanho do texto

Argentino marca lindo gol de falta ainda no primeiro tempo e dá a vitória ao Barcelona, que chega aos 69 pontos e segue invicto no Campeonato Espanhol

Para 90.356 torcedores no Camp Nou, o Barcelona venceu o Atlético de Madri , neste domingo, pela 27ª rodada do Campeonato Espanhol , por 1 a 0, gol de Lionel Messi, e voltou a abrir oito pontos de vantagem na ponta da competição. Com o gol, o argentino chegou ao de número 600 na carreira, sendo 539 com o clube catalão e 61 com a seleção argentina.

Leia também: Davide Astori, capitão da Fiorentina, é encontrado morto em hotel

Lionel Messi corre para comemorar o gol de número 600 na carreira
Reprodução
Lionel Messi corre para comemorar o gol de número 600 na carreira

Além disso, Messi fez o terceiro gol de falta em três jogos consecutivos. A partida foi dominada pelo Barcelona no primeiro tempo, que não sofreu. Na segunda etapa, o Atlético igualou e conseguiu pressionar, mas não vazou o gol de Ter Stegen. Assim, o Barça soma agora 69 pontos e o Atleti permanece com 61, na segunda colocação.

O jogo

O Barcelona começou e terminou o primeiro tempo melhor. Entretanto, até os 25 minutos, não houve chance clara de gol e Oblak não foi testado. Aos 26, porém, em falta frontal, Lionel Messi foi para a cobrança e abriu o placar no Camp Nou. Uma linda batida do argentino, que havia sofrido a falta, para vencer o goleiro menos vazado e chegar ao gol 600 na carreira.

A equipe catalã continuou mandando na partida e aos 37 Philippe Coutinho chutou bem de canhota, mas viu Oblak espalmar. Apesar do domínio, essas foram as únicas boas chances na primeira etapa. Vale destacar também a saídad e Iniesta, após sentir a coxa, para a entrada de André Gomes e os cartão amarelo de Messi após faltaem Filipe Luís. O Atlético de Madri terminou sem dar um chute ao gol.

Apesar de ficar um pouco mais com a bola, o Atlético não conseguiu muita coisa e aos 21 minutos contava com quatro atacantes: Correa, Gameiro, Griezmann e Diego Costa. Após viver seu melhor momento na partida entre os 20 e 30 minutos, o time colchonero voltou a sofrer pressão do Barça.

Leia também: Klopp acredita que Firmino merece novo contrato com Liverpool: "Dominante"

Aos 31, Suárez marcou, mas o gol foi anulado porque o uruguaio estava impedido. No mesmo minuto, Messi bateu e Giménez desviou para evitar o segundo. Aos 33, Messi cobrou escanteio no segundo pau e Busquets pegou de primeira obrigando Oblak a fazer difícil defesa.

Gameiro conseguiu marcar aos 40 minutos após disputa de Diego Costa e Sergi Roberto, mas o lance estava parado, já que o atacante brasileiro naturalizado espanhol estava impedido. Nos minutos finais, o duelo ficou muito corrido. Aos 45, após saída errada do Atlético, Messi abriu para Suárez, que tentou uma cavadinha e a bola saiu lentamente.

Confira o gol 600 de Messi na sequência abaixo

Lionel Messi bateu com perfeição na bola
Reprodução
Lionel Messi bateu com perfeição na bola
A barreira pula para tentar evitar que a bola chegue ao gol
Reprodução
A barreira pula para tentar evitar que a bola chegue ao gol
Oblak ainda tenta salvar, mas não consegue. É só correr para o abraço, Messi
Reprodução
Oblak ainda tenta salvar, mas não consegue. É só correr para o abraço, Messi

Leia também: Ibrahimovic fala em voltar à seleção sueca na Copa: "A porta não está fechada"

Foi a última chance da partida. Aos 48, o árbitro apitou o fim do clássico no Camp Nou. Na próxima rodada, o Barcelona visitará o Málaga, no sábado, dia 10. Já o Atlético de Madri irá receber o Celta de Vigo no domingo, dia 11.

    Leia tudo sobre: futebol Lionel Messi
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.