undefined
Reprodução
Ryan Mason, jogador do Hull City, leva cabeçada de Gary Cahill, zagueiro do Chelsea

Aos 26 anos de idade, Ryan Mason vai precisar deixar o futebol. Tudo porquê em 22 de janeiro de 2017, ao lado de Gary Cahill, ele protagonizou uma arrepiante cena durante a 22ª rodada do Campeonato Inglês . Em uma disputa de bola, o jogador do Hull City levou uma cabeçada do zagueiro do Chelsea.

Leia também: Jogador do Liverpool choca a internet ao mostrar os pés congelados após partida

Na ocasião, ele deixou o campo desacordado e como consequência, fraturou o crânio e teve uma hemorragia no cérebro. Desde então, nunca mais voltou aos gramados. No entanto, nesta terça-feira (13), o clube, que desceu para a segunda divisão ainda naquela temporada, anunciou a aposentadoria de seu jogador .

Leia também: Ex-jogador revela ter sido vítima de abuso sexual por um tio-avô aos 11 anos

Nota do clube

"É com profundo pesar que o clube deve anunciar que, após a lesão na cabeça sofrida em 22 de janeiro de 2017, Ryan Mason se aposentará do futebol com efeito imediato. Ryan procurou a orientação de inúmeros neurologistas de renome mundial e neuro cirurgiões, e todos disseram que o retorno ao futebol competitivo não é aconselhável. Ryan gostaria de registrar seus agradecimentos a todos no clube, que ajudaram a recuperação até este ponto e ele está em dívida com eles por seu apoio e compaixão nos últimos 12 meses", escreveu o Hull City.

Leia também: "Meu estilo de jogo é bem de rua mesmo. Eu nunca vou mudar", garante Neymar

Jogador da categoria de base, Ryan Mason foi revelado pelo Tottenham Hotspur em 2008 e teve algumas passagens por empréstimos em outros times menores. No ano de 2016, foi vendido para o Hull City pelo valor de 15,4 milhões de euros, o equivalente a R$ 58,5 milhões. 

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários