Tamanho do texto

Lateral brasileiro comentou sobre a chegada de Neymar ao Paris Saint-Germain e revelou conversa com atacante antes da decisão final

Daniel Alves e Neymar chegaram ao Paris Saint-Germain na janela de transferências do verão europeu de 2017
Divulgação
Daniel Alves e Neymar chegaram ao Paris Saint-Germain na janela de transferências do verão europeu de 2017

Em meados de 2016, Daniel Alves trocou a Juventus e foi rumo ao Paris Saint-Germain. Na mesma época, chegou o amigo de dentro e fora de campo, Neymar, que havia deixado o Barcelona. Segundo os jornalistas franceses Damien Degorre e Arnaud Hermant, a chegada dos brasileiros na equipe abalou as estruturas da equipe da capital da França.

LEIA TAMBÉM:  Livro revela divisão do elenco do PSG após chegada de Neymar e Dani Alves

Em entrevista ao site oficial da Fifa, Dani Alves comentou sobre o companheiro de time e de seleção brasileira. "Acredito que, junto a Messi, Neymar é o jogador mais desequilibrante no futebol mundial. Mas ele precisava sair um pouco de sua sombra. Jogar com alguém tão incomparável como Leo é a coisa mais incrível que pode acontecer, mas sempre haverá a dúvida se você realmente tem qualidade ou é ele", disse o lateral.

O ex-Juventus, que já jogou ao lado de Messi , revelou ainda que não teria influenciado o atacante a migrar para Paris. No entanto, afirma que o desafio de vencer a Liga dos Campeões foi um fator relevante. "É o que nos movimenta, o que nos apaixona, o que nos enche de adrenalina. O mundo é para os valentes. Os covardes sempre estarão na sombra e nós não queremos estar na sombra! Viemos do nada no Brasil para ser alguém na vida", disse.

LEIA TAMBÉM: Neymar prefere jogar na Espanha e considera Campeonato Francês "violento"

Escolha no PSG

Em uma recente entrevista ao Le Parisien , admitiu que estava "quase acertado" com o Manchester City, mas que além de ter conversado com os amigos que tem no clube parisiense, sabia da chegada de Neymar.

LEIA TAMBÉM: Neymar se torna o segundo da história do Campeonato Francês a receber nota 10

"Sabia que ele queria outras coisas e que queria sair de Barcelona . Conhecia as intenções de Neymar desde a concentração com a seleção brasileira (em junho).Os desafios e as novidades do PSG encheram nossos olhos e eu disse a Neymar que ele era livre para fazer o que quisesse, mas comecei a ter dúvidas quando ele começou a fazer a pré-temporada com o Barcelona, nos Estados Unidos", revelou Dani Alves.

    Leia tudo sobre: Lionel Messi