Tamanho do texto

Atacante uruguaio confessou desentendimento com o brasileiro, mas ainda assim quer o companheiro de equipe eleito melhor jogador do mundo

Neymar ganha abraço de Cavani depois de converter pênalti para o PSG
Reprodução/SporTV
Neymar ganha abraço de Cavani depois de converter pênalti para o PSG

Um dos protagonistas de uma grande polêmica no Paris Saint-Germain ao lado do companheiro de equipe Neymar, Edinson Cavani confirmou que sim, houve um desentendimento entre os dois. O uruguaio afirmou que o atrito aconteceu, mas que agora, tudo se trata de passado.

LEIA TAMBÉM: Neymar realiza sonho de torcedora com doença rara; confira

"Falei com ele, conversei e disse tudo o que eu pensava. Mas são coisas que acabam ficando no vestiário, eu não vou sair falando o que conversamos. Vamos focar no futebol", disse Cavani em entrevista ao jornal do Uruguai Ovación . "A única coisa que eu desejo é que cada um que chege à minha equipe, venha com o objetivo de ajudar o grupo. O outro, o individual, virá como consequência.

E embora a confusão entre os dois atacantes tenha dado o que falar nas imprensas esportivas de todo o mundo, o uruguaio afirma querer ver o colega de equipe ser o melhor jogador do mundo. "Se o grupo se sai bem, quer dizer que todos nós funcionamos bem. E se temos o melhor do mundo, para mim é um prazer. É como eu disse em várias oportunidades. Eu quero que ele seja o Bola de Ouro, porque se é o melhor é porque vai fazer muitos gols e nos vai levar a ganhar títulos", afirmou.

LEIA TAMBÉM: Neymar fala pela 1ª vez sobre polêmica com Cavani e afirma que não existe briga

Para completar, Cavani deixou claro que nem sempre os companheiros de time se tornam amigos fora de campo. "Para mim, jogar com grandes jogadores é um prazer, sinceramente. É como disse, sou muito realista e sei que no futebol você não precisa ser amigo de todos. Você tem que ser profissional. E o primeiro ponto, para isso, é respeitar os companheiros ao sair do campo. Seja para treinar ou para jogar. Partindo dessa base, pode ser amigo ou não. Pode se dar bem ou não", finalizou.

LEIA TAMBÉM: Bola de Ouro: Neymar, Marcelo e Coutinho entre os finalistas; veja lista

Melhor jogador 

Recentemente, Cavani surpreendeu ao revelar qual o melhor jogador com quem já atuou. O brasileiro Neymar nem foi citado e nem mesmo Ibrahimovic ou Suárez. O italiano Marco Verrati, meia do PSG, foi o escolhido pelo camisa 9 durante o #MinutoCeleste, publicado pela seleção de futebol do Uruguai.

    Leia tudo sobre: futebol