Tamanho do texto

Franck pagou para François atuar no modesto Aviron Bayonnais, mas as lesões prejudicaram a carreira do irmão do astro francês

Franck Ribéry pagou quase R$ 150 mil para seu irmão jogar profissionalmente na França, mas não deu muito certo
Bild/Reprodução
Franck Ribéry pagou quase R$ 150 mil para seu irmão jogar profissionalmente na França, mas não deu muito certo

O meia-atacante Frack Ribéry, do Bayern de Munique, pagou 40 mil euros (algo em torno de R$ 148 mil) para que seu irmão  François pudesse jogar em um time profissional da França. O clube em questão é o modesto Aviron Bayonnais, que hoje disputa a National 3, equivalente à 5ª divisão no país.

Leia também: Clube da Alemanha anuncia atriz pornô como sua nova patrocinadora de camisa

A revelação foi feita pelo empresário Christophe Hutteau num livro editado este ano, intitulado de "Mes secrets d'agent" - ou, em português, "Os segredos de um agente" -, em que o agente conta como Ribéry pagou para que François jogasse no clube na temporada 2010/2011, quando ainda disputava a segunda divisão francesa.

Leia também: Polícia francesa encontra bomba perto de estádio do PSG horas antes de jogo

"Estou na mer... pelo meu irmão", disse o jogador do Bayern ao representante, pedindo que arranjasse uma solução para o seu irmão e tentasse encaixar em algum time. Posteriormente surgiu a possibilidade de defender o Aviron Bayonnais , mas o clube se recusou pagar as exigências salariais de François.

Ajuda providencial

François Ribéry jogou só até os 24 anos de idade
Reprodução
François Ribéry jogou só até os 24 anos de idade

Diante deste cenário, Franck se reuniu com a diretoria do Aviron e decidiu para pagar os 40 mil euros para que seu irmão fosse contratado.

Leia também: Rússia constrói arquibancadas fora de estádio para atender exigência da Fifa

"O Franck realmente pagou o contrato do seu irmão, que estava entre 33 mil e 35 mil euros. Um dos membros da direção se reuniu com ele e ficou tudo acertado. No final, ainda fez uma doação, por transferência bancária, de 40 mil euros, referente a um salário mensal avaliado em 2,5 mil euros", disse Jean-Pierre Mainard, dirigente do clube ao jornal "Sud Ouest".

Apesar do ato inusitado dentro do futebol, o irmão de Ribéry teve uma carreira curta dentro do futebol. No Aviron Bayonnais, foram apenas três partidas disputadas e uma série de lesões que atrapalharam seu rendimento. François largou os gramados ao final de 2011, quando tinha apenas 24 anos de idade.

Clique e baixe o 365Scores para ter resultados, dados, notícias, tempo real, vídeos e muito mais