Tamanho do texto

Interesse de brasileiros em assistir de perto o Paris Saint-Germain é 125% maior do que no Real Madrid, atual segundo colocado; Barcelona é terceiro

A chegada de Neymar ao Paris Saint-Germain , no início de agosto, além de aumentar as chances do clube francês de conquistar o inédito título da Liga dos Campeões , fez com que, entre brasileiros, passasse a ser o time estrangeiro preferido, isto é, o que mais vende, deixando para trás equipes historicamente mais populares como Real Madrid e Barcelona.

Leia também: Cavani rejeita R$ 3,7 milhões para abrir mão das cobranças de pênaltis

Neymar fez os brasileiros se interessarem como nunca antes no Paris Saint-Germain
Reprodução/Twitter/PSGbrasil
Neymar fez os brasileiros se interessarem como nunca antes no Paris Saint-Germain

De acordo com dados da StubHub , plataforma de intercâmbio de ingressos para eventos esportivos e culturais do mundo, o time francês é agora o que mais interessa aos torcedores brasileiros. O estudo mostra ainda que Neymar é a grande influência, já que, até ano passado, a liderança era do Barcelona, onde o atacante jogava. O PSG , por sua vez, não aparecia nem entre os cinco.

Leia também: Neymar se vê isolado no PSG após polêmica com Cavani, informa jornal

A contratação do craque brasileiro fez o Paris Saint-Germain pular da sétima posição em 2016 à primeira em 2017. A perda do astro fez o time catalão cair duas posições, de primeiro para terceiro lugar. Os dados mostram ainda que a venda de ingressos para jogos do PSG para brasileiros, neste ano, foi 21 vezes maior do que no ano passado, e vem sendo, em média, 125% maior do que a do segundo colocado, o Real Madrid.

Em 2016, os cinco primeiros colocados eram: Barcelona, Real Madrid, Arsenal, Atlético de Madri e Chelsea. Destes, os Gunners e os Colchoneros perderam espaço para PSG, primeiro colocado, e Bayern de Munique, quarto. O ranking ainda tem Real em segundo, Barça em terceiro e Chelsea em quinto.

Leia também: Polêmicas à parte, Neymar vai abrir boate sertaneja no Rio de Janeiro

Missão Champions

E se fora de campo Neymar é influente, dentro, ele precisa superar as confusões dos últimos dias com o companheiro Cavani para enfrentar o Bayern de Munique, nesta quarta-feira, pela segunda rodada do Grupo B da Liga dos Campeões, naquele que será o primeiro grande teste para o supertime montado pelo catariano Nasser Al-Khelaifi, presidente do PSG. Para a partida, inclusive, 17% dos ingressos foram comercializados para brasileiros.

    Leia tudo sobre: futebol
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.