Immobile celebra após marcar um dos gols da vitória da Itália
Reprodução/Twitter
Immobile celebra após marcar um dos gols da vitória da Itália

A Itália estreou com o pé direito na Eurocopa 2020. Nesta sexta-feira, a Azzurra venceu a Turquia por 3 a 0, no Estádio Olímpico de Roma, em partida válida pela primeira rodada da competição. Demiral (contra), Immobile e Insigne marcaram os gols do jogo - todos eles na etapa final. Depois de um começo difícil, a Seleção Italiana encontrou os espaços, dominou o confronto e não viu a Turquia oferecer resistência.

ITÁLIA COMEÇA A CRESCER NA PARTIDA

Os primeiros minutos de jogo foram marcados por um domínio sem eficiência da Itália. Isso porque a Turquia se defendeu bem e trouxe dificuldades ao ataque italiano. No entanto, aos 17 minutos, a Azzurra conseguiu furar o bloqueio e quase abriu o placar. Insigne fez boa tabela com Berardi, invadiu a área e conseguiu a finalização, mas o chute saiu sem direção.


PRESSÃO AZZURA E CAKIR SALVA A TURQUIA

Quatro minutos depois, a Itália conseguiu a melhor chance do primeiro tempo. Após cobrança de escanteio, o zagueiro Chiellini subiu sozinho e conseguiu a cabeçada forte que parou a boa defesa de Cakir.

A Itália não parou por aí e ainda conseguiu construir mais algumas chances. No total, a Seleção Italiana conseguiu 12 finalizações, mas apenas três encontraram a direção do gol defendido por Cakir.

TURQUIA TENTA A RESPOSTA, MAS NÃO TEM SUCESSO

A melhor chance da Turquia surgiu apenas aos 32 minutos da primeira etapa. Yilmaz conseguiu arrancada pelo lado esquerdo, venceu a marcação e conseguiu o cruzamento. A bola tinha a direção de Tufan, mas Donnaruma saiu bem do gol e conseguiu a defesa.

PÊNALTI?

Você viu?

No último lance do primeiro tempo, Spinazzola fez boa jogada individual e conseguiu o cruzamento. No entanto, a bola bate na mão de Celik, que estava com o braço aberto. Os jogadores da Itália reclamaram e pediram a marcação do pênalti, mas tanto o juiz, quanto o VAR consideraram o lance normal. 

O PRIMEIRO GOL DA EUROCOPA 2020

A Itália voltou com tudo para o segundo tempo e logo conseguiu abrir o placar. Jorginho encontrou Berardi na ponta direita com muito espaço. O atacante encarou a marcação, deixou Meras no chão e conseguiu o cruzamento. O zagueiro Demiral tentou o corte, mas acabou empurrando a bola para o fundo das redes.

IMMOBILE AMPLIA 

Depois do primeiro gol, a Azzurra não recuou, pelo contrário, foi para cima da Turquia e conseguiu ampliar a vantagem. Barella fez boa jogada pela direita e conseguiu o cruzamento para Spinazzola. Cakir conseguiu defender o chute do lateral-esquerdo, mas, no rebote, Immobile apareceu para marcar para a Itália.

VIROU PASSEIO

A Itália carimbou a vitória aos 33 minutos da etapa final. O goleiro Cakir, que vinha bem na partida, saiu errado. A bola caiu nos pés da Seleção Italiana e, após rápida troca de passes, Immobile serviu Insigne, que apareceu sozinho dentro da área, bateu com categoria e marcou o terceiro da Azzurra.

ÚLTIMA TENTATIVA

A Turquia, que pouco fez durante os 90 minutos, conseguiu uma boa chance apenas nos acréscimos do segundo tempo. Yilmaz foi lançado em profundidade, invadiu a área e bateu firme. Contudo, Chiellini surgiu na hora exata e conseguiu travar o chute do atacante.

SEQUÊNCIA

A Turquia volta a campo na próxima quarta-feira, no Estádio Olímpico de Baku, no Azerbaijão, às 13h (de Brasília), contra o País de Gales. Já a Itália recebe a Suíça no mesmo dia, mas às 16h (de Brasília), no Estádio Olímpico de Roma. 

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários