Cantillo, volante do Corinthians
Rodrigo Coca/Ag. Corinthians
Cantillo, volante do Corinthians

O Departamento Médico do Corinthians confirmou na manhã desta terça-feira que o volante Victor Cantillo testou positivo para a Covid-19.

O atleta, que apresentou febre na última sexta-feira (10) e, desde então, foi afastado das atividades no CT Dr. Joaquim Grava, seguirá em isolamento social, em sua residência, e terá acompanhamento médico diariamente. No momento, porém, está bem e sem sintomas graves da doença.

Em nota, o clube ressalta que "tem acompanhado diariamente a situação de todos os atletas, com medição de temperatura corporal e testes periódicos, e nenhum outro jogador ou funcionários apresentou novos sintomas desde a reapresentação".

Cantillo não participou dos últimos três treinamentos do Corinthians e deve ficar de fora do clássico contra o Palmeiras, na próxima quarta-feira, na Arena Corinthians, e que marca o retorno do Paulistão.

Contratado no começo do ano, Cantillo é um dos poucos destaques do time na temporada. O jogador de 26 anos foi titular nos nove duelos seguintes até a paralisação por conta da pandemia de coronavírus. No total, Cantillo disputou 934 minutos pelo Corinthians, em 12 jogos. 

Para contratar o volante e poder registrá-lo, o alvinegro fez um primeiro pagamento de 900 mil dólares (na época R$ 3,7 milhões) e o jogador acertou um contrato por empréstimo. Porém, para garantir a permanência em definitivo e 70% do passe, neste mês, o clube precisará desembolsar mais 580 mil dólares (cerca de R$ 3 milhões) .

Além disso, no próximo ano, ainda está prevista uma terceira parcela de 1,3 milhões de dólares (cerca de R$ 7 milhões).

    Veja Também

      Mostrar mais