Jogador é um dos poucos destaques no ano
Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians
Jogador é um dos poucos destaques no ano

Destaque do Corinthians neste início desse ano, antes da parada por conta da pandemia do novo coronavírus, o volante Víctor Cantillo caiu nas graças da torcida.

Porém, há algumas semanas, a sua permanência foi colocada como incerta pela imprensa colombiana (com o retorno do jogador sendo cogitado), diante da situação financeira que o alvinegro atravessa e da necessidade de o clube paulista pagar mais uma alta parcela ao Junior Barranquilla .

Mesmo diante das dificuldades financeiras, o Corinthians conta com a permanência do jogador e já avisou aos colombianos que cumprirá o pagamento no próximo dia 27 de julho, como foi estabelecido em contrato.

Em entrevista ao jornalista daquele país, Richard Martínez, o presidente Andrés Sanchez afirmou que o pagamento será feito. "Pode ficar tranquilo que nós vamos pagar", afirmou.

Em contato com a reportagem do iG , o presidente alvinegro confirmou a informação e ainda falou da quantia a ser paga nesse mês. "Essa parcela é de 580 mil dólares (cerca de R$ 3 milhões)", revelou.

Para contratar o volante e poder registrá-lo, o alvinegro fez um primeiro pagamento de 900 mil dólares (na época R$ 3,7 milhões) e o jogador acertou um contrato por empréstimo. Porém, para garantir a permanência em definitivo e 70% do passe, neste mês, o clube precisará desembolsar mais essa quantia. Além disso, no próximo ano, ainda está prevista uma terceira parcela de 1,3 milhões de dólares (cerca de R$ 7 milhões).

Além do retorno em campo, no clube é sabido que o volante já começa a despertar interesse de diversos clubes da Europa e pode render uma boa venda futura. Diante desses fatores, os dirigentes não cogitam perder o atleta e se movimentam para garantir a quantia necessária.

Mesmo com o time ainda sem engrenar, Cantillo vinha sendo uma das poucas peças que chamavam a atenção no alvinegro, principalmente por seus passes e lançamentos precisos e a desenvoltura em chegar ao ataque. Recentemente, aliás, o técnico Tiago Nunes não poupou elogios ao jogador.

“Eu amo o futebol de Cantillo. Conheci seu futebol quando o enfrentei na Copa Sul-Americana, ainda no Athletico-PR, ali comecei a olhar o futebol dele. Eu creio que é um jogador com potencial para seleção, controla bem o jogo e é excelente em lançamentos fortes e longos. É um termômetro para minha equipe. O jogo da minha equipe passa por ele", apontou.

    Veja Também

      Mostrar mais