São Januário
Divulgação
São Januário

O Vasco tem um projeto pronto para a reforma de São Januário.

Conforme o Panorama Esportivo mostrou nesta terça-feira, o Vasco só aguarda o entendimento com a prefeitura para poder iniciar o processo, que será longo, para poder começar as obras .

A principal mudança no estádio será a ampliação da capacidade, que passará de 22 mil para 43 mil lugares. Para isso, o Vasco precisará demolir o ginásio de esportes olímpicos, que hoje comporta 2,5 mil pessoas. No local, além de parte da arquibancada, também está prevista a construção de uma esplanada para o trânsito dos torcedores.

O projeto, entretanto, prevê a construção de um novo ginásio, multiúso, com a capacidade de aproximadamente 5 mil pessoas.

Segundo diretores do Vasco , o clube passará a investir mais em esportes olímpicos, já que 70% do futebol será vendido para a 777 Partners.

Uma das principais alterações que a modernização irá trazer, caso saia do papel, são as demolições dos muros de São Januário. Vale, porém, frisar, que a fachada é tombada e não será alterada. A sugestão é que os muros altos e cinzas, que lembram muitas vezes uma prisão, sejam de colocados abaixo e substituídos por uma estrutura mais arejada e que integre o estádio com a comunidade.

No Complexo de São Januário também será construído o Museu do Vasco . Atualmente o clube conta com um espaço de vivência instalado na antiga sala de troféus.

Serão preservados ainda o parque aquático, que não sofrerá nenhuma alteração, e o colégio Vasco da Gama, que continuará a funcionar no complexo.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários