Patrick de Paula deve trocar o Palmeiras pelo Botafogo
Reprodução / Instagram
Patrick de Paula deve trocar o Palmeiras pelo Botafogo

A venda de Patrick de Paula ao Botafogo ainda não tem data para acontecer,  apesar dos avanços e dos ajustes finais feitos pelos clubes, mas o Palmeiras pode liberar o meio-campo apenas depois das finais do Campeonato Paulista.

Veja abaixo galeria de fotos de Patrick de Paula:


Com quatro jogadores convocados para as Eliminatórias (Kusevic, Gustavo Gomez, Piquerez e Weverton), a comissão técnica entende que o atleta pode ser útil, tanto que o relacionou para o clássico contra o Corinthians, nesta quinta.

Classificado para as quartas de final, o Palmeiras precisa de um ponto para assegurar a melhor campanha da primeira fase. A presidente do Palmeiras, Leila Pereira, já autorizou a venda do meia Patrick de Paula ao Botafogo. O clube paulista tem a necessidade de reforçar seu caixa nesta temporada, e vê a saída do jovem como uma boa oportunidade.

Leia Também

Com o aval da mandatária, o departamento de futebol do Palmeiras ajusta detalhes do contrato com o Botafogo, que ofereceu 6 milhões de euros por 50% dos direitos do atleta. Patrick tem contrato até 2025, e assinaria com o clube carioca por quatro anos.

O acordo prevê a compra de mais 20% dos direitos caso metas sejam alcançadas, totalizando um investimento de R$ 50 milhões. O Palmeiras espera valorização do jogador para lucrar em venda futura, e amarra exatamente essas questões no contrato. O Botafogo aguarda esses ajustes para combinar o pagamento e passar então para o contrato de trabalho e direito de imagem com o atleta.

Da Taça das Favelas ao Verdão
Patrick é formado no clube paulista e foi lançado em 2020, depois de ser prospectado na Taça das Favelas do Rio e ir para a Academia em 2016.

No início de carreira no Palmeiras, Patrick de Paula era tratado como uma grande joia. O volante chegou a marcar gol de título paulista contra o Corinthians. No entanto, perdeu espaço na equipe de Abel.

O Palmeiras vive um ano em que precisa reduzir o custo do seu futebol e tenta ainda se reforçar com peças pontuais. Para isso é unanimidade a necessidade de aproveitar as oportunidades de negociar bem os bons ativos vindo da base. Não negociar seria perder a chance sem usar o atleta como titular.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários