Monark defendeu a legalização de um partido nazista no Brasil
Reprodução/Twitter
Monark defendeu a legalização de um partido nazista no Brasil



A Ferj anunciou, na tarde desta terça-feira, que rompeu o contrato de transmissão do Campeonato Carioca com os Estúdios Flow, responsável pelo podcast Flow Sport Club. A decisão da entidade aconteceu após Monark (veja galeria de fotos abaixo), apresentador do programa, defender a legalização de um partido nazista no Brasil.


Leia Também

"A FFERJ, defensora da igualdade, do respeito e contrária a qualquer tipo de preconceito, anuncia o rompimento do contrato com o Estúdios Flow, responsável pelo podcast Flow Sport Club que transmitia jogos do Campeonato Carioca de 2022, por apologia ao nazismo, regime cujos crimes contra a humanidade até os dias de hoje causam horror a qualquer um que preze pela vida", diz a nota.

As declarações de Monark causaram revolta na internet. Diversas personalidades do esporte cancelaram suas participações no podcast. O apresentador Benjamin Back, que já foi um dos entrevistados, pediu para que sua participação fosse retirada do ar.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários