Presidente do Botafogo em encontro com Jair Messias Bolsonaro
Reprodução
Presidente do Botafogo em encontro com Jair Messias Bolsonaro

O conselheiro Mario Sergio Medeiros Pinheiro enviou carta ao presidente do Conselho Deliberativo do Botafogo informando da sua renúncia do cargo. A motivação foi a audiência pública entre o Botafogo e o presidente Jair Bolsonaro .

(Veja abaixo a galeria de fotos de Bolsonaro com camisas de clubes brasileiros)


"O citado presidente por diversas vezes já demonstrou o seu desprezo à democracia e às vidas humanas. Inúmeras vezes, demostrou seu descaso para com a pandemia do coronavírus, que tirou a vida de mais de 565 mil brasileiros", disse o conselheiro, que completou:

Você viu?

"A visita e apoio ao presidente Bolsonaro é, no mínimo, contraditória a postura adotada pela diretoria do clube no início da pandemia, quando se opôs à volta do futebol em junho do ano passado, alegando ser constrangedor competir em meio a tantas mortes. Mortes essas, inclusive, que foram ridicularizadas pelo presidente Bolsonaro".

O conselheiro lembrou que Garrincha e Elza Soares, sua mulher, tiveram de deixar o país durante a ditadura militar, regime defendido por Bolsonaro em diversos momentos.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários