Clube da Série B procurou Rogério Ceni
Alexandre Vidal/Flamengo
Clube da Série B procurou Rogério Ceni

O técnico Marcelo Cabo, demitido recentemente do Vasco, foi anunciado pelo Goiás na última terça-feira, mas não foi a única opção estudada pelo Esmeraldino. Em entrevista à Rádio Bandeirantes, Edminho Pinheiro, vice-presidente do conselho deliberativo, disse que chegou a entrar em contato com Rogério Ceni, que recentemente deixou o Flamengo, e Vanderlei Luxemburgo.

— Liguei para o Luxemburgo, que é meu amigo particular. O Marcelo Cabo ainda era treinador do Vasco. O Luxemburgo me disse que estava com seu projeto (particular). Tentei usar da minha amizade com ele, conversamos uma hora e meia. Ele me explicou, ainda estava decepcionado com sua saída do Palmeiras. Pedi ele para pensar e ficar uns quatro meses em Goiânia. Ele disse que iria me ligar. No mesmo dia, mandei uma mensagem para o Ceni. Sabendo que era apenas para cumprir uma situação. Ouvir e saber que era quase impossível eu já sabia, mas não custa nada tentar — revelou o dirigente.

Você viu?


— Dormi e quando acordei de madrugada vi que o Rogério Ceni tinha me respondido. Ele falou que assim que desse me ligava. O presidente Paulo Rogério Pinheiro também tem uma amizade muito forte com o Dorival Júnior e disse que ligaria para ele só depois que oficializássemos a saída do Pintado. Fiquei aguardando a ligação do Luxemburgo e do Ceni, o que não aconteceu — completou.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários