São Paulo x Chapecoense
Reprodução / Twitter / Chapecoense
São Paulo x Chapecoense


O São Paulo empatou com a Chapecoense nesta quarta-feira (16), por 1 a 1, no Morumbi e segue sem vencer no Campeonato Brasileiro . O Tricolor abriu o placar com Eder, mas teve Rodrigo Nestor expulso. Na segunda etapa, Kaio deixou tudo igual, dando números finais ao jogo.

Agora, os dois times voltam a campo para a próxima rodada do Brasileirão. O São Paulo tem o clássico contra o Santos, no domingo (20), às 18h15, na Vila Belmiro, enquanto a Chapecoense pega o Atlético-MG, na segunda-feira (21), às 20h, em Belo Horizonte.

JOGO COMEÇA COM SÃO PAULO PRESSIONANDO E ABRE O PLACAR
A partida iniciou com o São Paulo, com uma escalação mais ofensiva, assustando a meta da Chapecoense. Aos seis minutos, Rigoni cruzou com perigo da direita, e o goleiro João Paulo se esticou para dar um soco na bola. Um minuto depois, Rojas ajeitou para a perna direita e chutou colocado da entrada da área. O goleiro espalmou para escanteio.

Aos 12 minutos, o Tricolor abriu o placar. Rigoni recebeu bola na direita e cruzou na medida para Eder. O atacante subiu mais que a defesa e cabeceou no canto direito, para vencer o goleiro João Paulo.

EDER TENTA O SEGUNDO E CHAPE ASSUSTA
Os minutos seguiram e o São Paulo ainda mandava na partida. Com 16 minutos, Eder, novamente, recebeu cruzamento de Igor Vinicius, mas cabeceou para fora em nova tentativa de marcar.

Com o São Paulo se lançando ao ataque, a Chapecoense teve a primeira chance aos aos 20. O lateral-direito Matheus Ribeiro soltou uma bomba de fora da área e quase surpreendeu Tiago Volpi. A bola passou rasteira perto da trave esquerda da meta são-paulina.

J OÃO PAULO EVITA O GOL DO TRICOLOR E BRUNO ALVES ACERTA A TRAVE
Apesar de estar vencendo a partida, o São Paulo não deixava de atacar e quase chegou ao segundo gol com Luciano. Rojas cruzou para dentro da área, o camisa 11 subiu alto e obrigou João Paulo a realizar grande defesa.

Logo depois, no escanteio, Rigoni bateu fechado e Bruno Alves cabeceou no travessão da meta da Chape. A equipe catarinense chegou aos 33. Mancha cruzou em direção a Anderson Leite, dentro da área, mas o volante não alcançou a bola.

SÃO PAULO TEM NESTOR EXPULSO ANTES DO INTERVALO
Antes do final da primeira etapa, o São Paulo ficou com um a menos. Em disputa de bola no meio-campo, Nestor levantou demais o pé e acertou a cabeça de Léo Gomes. O juiz Dyorgines Jose Padovani deu amarelo, mas após revisão no VAR, Nestor foi expulso, aos 37 minutos.

SEGUNDO TEMPO INICIA MORNO
Na volta após o intervalo, o técnico Hernán Crespo tirou o atacante Luciano para colocar o zagueiro Léo, já que a equipe estava com um a menos. A Chapecoense tirou o volante Anderson Leite e colocou o atacante Perotti, mas não conseguia ameaçar a meta de Volpi.

O São Paulo chegou aos cinco minutos, quando Rojas fez jogada individual pela esquerda, invadiu a área e chutou por cima do gol.

RITMO DO JOGO CAI E PABLO PERDE NA PEQUENA ÁREA
​O jogo passava e tanto São Paulo quanto Chapecoense faziam um jogo muito burocrático, muito perde e ganha no meio-campo, mas sem chances perigosas para as duas equipes. Somente aos 21 minutos o Tricolor chegou perto do segundo gol.

Rigoni virou o jogo para Wellington, que cruzou a meia altura para a área. Pablo ganhou do zagueiro, e livre, chutou a bola por cima do gol na pequena área.

CHAPECOENSE CRESCE E EMPATA O JOGO
Enquanto o São Paulo não conseguia assustar a Chape, o Verdão do Oeste não se intimidou e chegou ao empate com 24 minutos. Lima cruzou, a bola desviou em Liziero e encobriu Tiago Volpi. Kaio entrou por trás da marcação e cabeceou livre para empatar a partida.

Logo em seguida, Rigoni chegou a linha de fundo e cruzou rasteiro para Igor Vinicius. O ala chegou batendo de primeira, mas mandou para fora.

WELINGTON SALVA O SÃO PAULO DA VIRADA
Com o São Paulo nervoso pela arbitragem confusa, a Chapecoense se animou e por pouco não virou a partida. Aos 41 minutos, Lima ficou cara a cara com Volpi e chutou na trave. A bola voltou em Kaio, que chutou de primeira e Welington pulou para salvar em cima da linha.

SÃO PAULO ACERTA A TRAVE NOS ACRÉSCIMOS
Com 48 minutos, Volpi bateu falta para a área, Bruno Alves desviou e Gabriel Sara bateu de voleio. A bola desviou na zaga e acertou a trave da meta da Chapecoense.

Fim de jogo no Morumbi e seca de vitórias do São Paulo no Brasileirão.

SÃO PAULO X CHAPECOENSE
Local
: Estádio do Morumbi
Data e horário: 16 de junho de 2021, às 19h
Árbitro: Dyorgines Jose Padovani de Andrade (ES)
Assistentes: Fabiano da Silva Ramires (ES), Vanderson Antonio Zanotti (ES)
VAR: Igor Junio Benevenuto de Oliveira (MG)
Gols: Eder (12'/1ºT) (1-0)
Cartões Amarelos: Liziero, Luciano, Igor Vinicius (SAO), Anselmo Ramon, Ravanelli (CHA)
Cartões Vermelhos: Rodrigo Nestor (SAO)

SÃO PAULO
Volpi; Igor Vinicius, Bruno Alves e Reinaldo (Bruno Rodrigues, aos 43'/2ºT); Gabriel Sara, Rodrigo Nestor, Liziero e Rigoni; Rojas, Eder (Pablo, aos 13'/2ºT) e Luciano (Léo, Intervalo). Técnico: Hernán Crespo

CHAPECOENSE
João Paulo; Matheus Ribeiro, Felipe Santana, Ignácio e Mancha (Ezequiel, aos 30'/2ºT); Moisés Ribeiro (Lima, aos 03'/1ºT), Léo Gomes (Kaio, aos 16'/2ºT), Anderson Leite (Perotti, Intervalo) e Ravanelli; Fernandinho e Anselmo Ramon (Bruno Silva, aos 30'/2ºT). Técnico: Jair Ventura.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários