Cristiano Ronaldo substituiu garrafas de Coca-Cola por água durante entrevista coletiva
Reprodução
Cristiano Ronaldo substituiu garrafas de Coca-Cola por água durante entrevista coletiva

A escolha pública de Cristiano Ronaldo por água ao invés de Coca-Cola continua a repercutir. Um porta-voz da Eurocopa tentou minimizar a situação à Australian Associated Press.

Veja galeria de fotos de Cristiano Ronaldo:


"Aos jogadores é oferecido água, além de Coca-Cola e Coca-Cola Zero Açúcar, na chegada em nossas entrevistas coletivas. Todos têm direito às suas preferências de bebida", disse o representante do torneio.

Você viu?

Durante uma coletiva de imprensa na véspera do jogo entre Portugal e Hungria, ao se sentar à mesa, o atacante português pegou as duas garrafas de Coca-Cola que ficam à disposição dos entrevistados e substituiu por uma garrafa de água.

A marca de refrigerante é patrocinadora do torneio. Após a troca, o jogador ainda reiterou uma recomendação universal.

- Bebam água - declarou CR7.

As ações da Coca-Cola, que chegaram a 56.10 dólares (R$ 284,43), caíram para 55.22 dólares (R$ 279,97). Não há uma explicação para esta queda. Mas ter ocorrido logo após o episódio em questão é um forte indício de que foi movida pelo "fator Cristiano Ronaldo".

A água exibida por CR7 também é produzida pela marca de refrigerantes. Mas isso não evitou a desvalorização de 1,6%. O valor total da Coca-Cola passou de 242 bilhões de dólares para 238 bilhões de dólares.  A marca sofreu um dano de 4 bilhões de dólares (R$ 20,2 bilhões).

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários