Figueirense protocola pedido de recuperação judicial
Patrick Floriani/FFC
Figueirense protocola pedido de recuperação judicial


O Figueirense atingiu o patamar mais crítico em problemas financeiros dentro dos seus 99 anos de história e resolveu dar um passo no que poderia significar a falência da marca que está prestes a completar o seu centenário.

Segundo informação publicada pelo portal 'ge' e confirmado pelo próprio Alvinegro, o clube ingressou na Vara Regional de Recuperações Judiciais, Falências e Concordatas de Florianópolis com um pedido de recuperação judicial que leva a assinatura de cinco advogados que estão radicados em dois escritórios diferentes.

Você viu?


No documento em questão, estão relatados em 35 páginas todos os problemas administrativos acumulados pelo Furacão do Estreito que conduziram para a situação onde, juntando a parte empresarial (Figueirense Ltda.) e social (Figueirense FC), a dívida chega a R$ 165 milhões.

Em relação aos custos anuais relacionados tanto a parte empresarial como social, são orçados R$ 330 mil divididos em R$ 150 mil na Figueirense FC da folha de pagamento, R$ 120 mil em tributos além de outros R$ 60 mil da folha de pagamento da Figueirense Ltda.

Para solicitar a aprovação em caráter de urgência da condição, o documento chega a citar claramente a possibilidade do Figueira não ter como sustentar uma equipe ao longo da temporada 2021, ano em que o time terá de galgar o caminho de retorno a Série B por conta da queda no calendário futebolístico de 2020.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários