Bolsonaro
Reprodução
Bolsonaro

Em evento nesta sexta-feira no município de Tianguá, no Ceará, para assinatura de ordens de serviço para obras em estradas federais, o presidente Jair Bolsonaro falou sobre mais um título brasileiro do Flamengo , conquistado ontem, após derrota para o São Paulo e o empate do Internacional diante do Corinthians .

Após ordenar que sua equipe retirasse as grades que impediam o acesso do público ao evento, provocando algomeração em meio a pandemia do novo coronavírus, o responsável pelo país discursou e, ao final, lembrou da conquista rubro-negra.

"Quis o destino que o Flamengo fosse campeão. Tenham certeza que hoje eu também sou Flamengo", gritou ele, para delírio da maioria dos presentes.

Bolsonaro ainda comparou o futebol com a política. "A nossa alma e história está ligada ao futebol. Realmente, venceu e foi campeão o melhor. Reconhecemos isso. A politica é o mesmo caminho. Vale o que nos fazemos e do que falamos", apontou.

Por fim, ao elogiar o seu ministério, cutucou Onyx Lorenzoni, que essa semana foi escolhido como o novo ministro-chefe da Secretaria-Geral da Presidência. "O ministro Onix com toda certeza vai torce para o Palmeiras no final de semana. Já que o seu Internacional não teve sucesso ontem", afirmou Bolsonaro, lembrando da disputa da final da Copa do Brasil entre Grêmio e o alviverde.

A primeira partida será realizada neste domingo, às 16 horas. A segunda e decisiva acontece no domingo seguinte, às 18 horas.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários