Goleiro Bruno
Reprodução
Goleiro Bruno

O influenciador Alex Thomas será investigado pelo Ministério Público do Estado do Acre após uma postagem que fez no Instagram em que comparava uma mulher à Eliza Samudio , vítima de feminicídio no famoso caso do goleiro Bruno, ex-Flamengo , que acaba de ser demitido

A postagem foi feita durante um jogo do Instagram que consiste em compartilhar uma caixa de perguntas com a pergunta: “Com quem eu pareço”. Alex pediu que as pessoas citassem nomes de pessoas da cidade de Rio Branco , no Acre, que ele falaria com qual personalidade aquela pessoa se parecia.

Em uma delas, comparou uma mulher com a imagem de Eliza. "A cara da Eliza Samúdio, uma hora ela encontra o Bruno dela", escreveu. Após a repercussão negativa, o influencer apagou a postagem e mudou a comparação. “A intenção não foi essa, mas muitas pessoas não entenderam. Já fiz a retratação, pedi desculpas e se alguma mulher se sentiu ofendida também, peço desculpas”, afirmou ele, em entrevista ao G1.

Postagem
Instagram
Postagem

Porém, o Centro de Atendimento à Vítima (CAV) do MP-AC encaminhou o caso à promotoria competente, já que o post pode configurar apologia ao crime, cuja pena é detenção, de três a seis meses, ou multa. Agora, o MP vai apurar se houve eventual responsabilidade criminal. 

Vale lembrar que o goleiro Bruno foi condenado pelo homicídio triplamente qualificado de Eliza e pelo sequestro e cárcere privado do filho Bruninho. Ele  havia sido condenado por ocultação de cadáver, mas esta pena foi extinta porque a Justiça entendeu que o crime prescreveu. As penas chegaram a 20 anos e 9 meses de prisão.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários