Lance

Brenner e Luciano são peças fundamentais no time de Fernando Diniz
Reprodução
Brenner e Luciano são peças fundamentais no time de Fernando Diniz

O São Paulo tem um duro desafio nesta quarta-feira no estádio do Morumbi.  Vai reencontrar o Grêmio precisando da vitória para avançar à final da Copa do Brasil, torneio que ainda não conseguiu ser campeão. Para vencer, obviamente a equipe precisa balançar as redes e a ‘sorte’ é que Brenner está no time.

O camisa 30, além de ser o artilheiro disparado do Tricolor na temporada (22 gols), também é o jogador que mais estufa a rede rival em jogos de mata-mata no ano de 2020. Em oito jogos eliminatórios do clube no ano, Brenner marcou oito gols – lembrando: contra o Mirassol, ele não atuou, então seriam, na verdade, oito gols em sete jogos.



A maior vítima de Brenner foi o Fortaleza. Em dois jogos pelas oitavas da Copa do Brasil, o atacante marcou quatro gols (nos empates por 3 a 3 e 2 a 2). Ele também marcou duas vezes contra o Lanús na derrota por 3 a 2 na Argentina, pela Sul-Americana e no triunfo sobre o Flamengo, pelas quartas da Copa do BR, no Maracanã.

Além dele, os outros dois atacantes ‘titulares’ da equipe também balançaram as redes, três vezes cada. Luciano marcou contra Fortaleza e Flamengo (duas vezes) e Pablo fez diante de Mirassol, Lanús e o Rubro-Negro. Para finalizar, marcaram uma vez nos jogos de mata-mata os jogadores Vitor Bueno, Daniel Alves e Gabriel Sara. Thaller marcou contra no jogo de volta contra o Lanús.

Confira abaixo todos os jogos e quem fez os gols:
Campeonato Paulista: São Paulo 2 x 3 Mirassol – Pablo e Vitor Bueno (Brenner não foi relacionado)
Copa do Brasil: Fortaleza 3 x 3 São Paulo – Brenner (dois) e Luciano
Copa do Brasil: São Paulo 2 x 2 Fortaleza – Brenner (dois)
Sul-Americana: Lanús 3 x 2 São Paulo – Brenner (dois)
Sul-Americana: São Paulo 4 x 3 Lanús – Daniel Alves, Pablo, Thaller (contra) e Gabriel Sara
Copa do Brasil: Flamengo 1 x 2 São Paulo – Brenner (dois)
São Paulo 3 x 0 Flamengo – Luciano (dois) e Pablo
Grêmio 1 x 0 São Paulo – sem gols

Outro ponto que chama a atenção é que a partida contra o Tricolor gaúcho foi a única na qual o São Paulo não balançou as redes. Não foi por falta de tentativa, afinal, segundo dados do SofaScore , o time teve 69% da posse de bola, 11 finalizações (três ao gol) e muita produção ofensiva.

Para conseguir uma vaga na final do torneio, o Tricolor paulista precisará vencer o Grêmio. Se fizer 1 a 0, a decisão irá para os pênaltis. O jogo acontece nesta quarta-feira, às 21h30, no Morumbi.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários