Lance

marcos braz
Alexandre Vidal / Flamengo
Braz afirma que saída de Dome não foi discutida em nenhum momento: 'Existe uma unidade na diretoria'

A goleada sofrida na última quinta, em Quito, movimentou os bastidores do Flamengo e colocou o trabalho do Domènec Torrent sob os holofotes . Assim, coube ao vice-presidente de futebol Marcos Braz vir a público dar explicações em entrevista coletiva neste sábado, direto de Guayaquil onde o time enfrenta o Barcelona na terça-feira, pela quarta rodada do Grupo A da Libertadores.

Nome forte do futebol, o VP garantiu que a demissão do treinador após o 5 a 0 para o Independiente Del Valle não foi discutida em nenhum momento entre eles e os demais membros da diretoria presente no Equador. E mais, afirmou que há uma unidade de pensamento e planejamento entre a alta cúpula do Fla.

- O Dome está dentro de um planejamento nosso. Já temos o planejamento do jogo contra o Palmeiras. Em nenhum momento foi discutido a saída do Dome. Em nenhum momento. Existe uma unidade dentro da diretoria. Quem manda está aqui, pessoas importantes da diretoria, todos vieram trabalhar. Fizemos extensas reuniões para parte de premiação, outras partes consideradas importantes e internas do clube. Em nenhum momento foi pensado nessa hipótese. Eu sei onde quer se chegar nessa pergunta. O resultado do jogo foi impensável. O Flamengo não pode perder de 5 a 0 em um final de Mundial, no Estadual, no Brasileiro... Não só na Libertadores. Em nenhum lugar pode. Não faz parte da história vitoriosa do clube, dessa diretoria vitoriosa - afirmou Braz.


    Veja Também

      Mostrar mais