Lance

Lance

Dudu está na mira de clube do Qatar
CESAR GRECO / AG. PALMEIRAS / DIVULGAÇÃO
Dudu está na mira de clube do Qatar

Nesta quarta-feira, pela primeira vez, o Palmeiras divulgou imagens de Dudu treinando. O jogador participou da primeira atividade com bola desde 13 de março e segue cumprindo o cronograma do clube enquanto se arrasta a sua negociação para ir ao Al Duhail, do Qatar, que ainda não formalizou a proposta de 13 milhões de euros (R$ 78,5 milhões, na cotação desta quarta) e estuda fazer ajustes na forma de pagamento dessa quantia ao Verdão.

Dudu sempre deixou claro que gostaria de ir para a equipe do Oriente Médio à medida que as conversas foram avançando, nas duas últimas semanas. Na sexta-feira, o salário oferecido, maior do que o que ele recebe no Palmeiras, agradou. Naquela reunião, inclusive, apontou-se que a proposta chegaria de forma oficial ao Verdão em pouco tempo, o que não ocorreu.

O Palmeiras não pretende dificultar a saída de Dudu e, pelas atualizações que recebeu de representantes do jogador, já sabe que a oferta deve ser de 13 milhões de euros imediatos, que podem chegar a 15 milhões de euros (R$ 90,6 milhões) caso o camisa 7 cumpra metas estabelecidas no contrato. Deve haver uma tentativa do Verdão de ampliar esses valores, mas não há interesse em estender demais a negociação. O problema, contudo, vem do Qatar.

Representantes do Al Duhail não cumpriram a expectativa que passaram há cinco dias, indicando que a proposta logo chegaria. As informações vindas do Qatar são de que se estuda uma forma de parcelar o que será oferecido ao Palmeiras. Tudo feito sem pressa, ao contrário do que se acreditava. Na semana passada, a Fifa autorizou o futebol do país do Oriente Médio a adiar sua janela de inscrição de atletas vindos do exterior, que abrirá só em agosto.

Assim, Dudu voltou a trabalhar normalmente com os colegas. O próprio jogador pediu, e foi atendido, para treinar de manhã na Academia de Futebol na segunda e na terça-feira, tendo a tarde livre para lidar com problemas pessoais, como a possível mudança para o Qatar e, também, a acusação de agressão feita por Mallu Ohana, sua ex-mulher. O camisa 7 perdeu somente um dia de avaliações físicas, na semana passada, quando prestou depoimento.

A vida particular, inclusive, pode ser uma dificuldade na negociação. Os advogados de Mallu  protocolaram pedido de retenção do passaporte do jogador. Por mais que seja considerado improvável a solicitação ser aceita, é um obstáculo que pode ser analisado pelo Al Duhail até formalizar a oferta.

No Palmeiras e entre os representantes de Dudu , ainda existe a expectativa de que o jogador deve mesmo ser negociado. Mas optou-se pela programação sem alterações enquanto o clube do Qatar não formaliza, finalmente, a proposta para levar o principal jogador do Palmeiras, líder em número de gols e assistências no clube neste século e, também, sendo quem mais balançou as redes, deu passes para gol e atuou no Allianz Parque.

    Veja Também

      Mostrar mais