Schalke não foi bem na última rodada
Instagram/Schalke
Schalke não foi bem na última rodada

O Schalke 04 tenta aproveitar os tropeços dos adversários diretos na tabela, Freiburg e Wolfsburg, para tentar voltar a sexta colocação da Bundesliga, que terá sua 27ª rodada encerrada nesse domingo, com três partidas.

Após a derrota humilhante para o rival Borussia Dortmund , por 4 a 0, na rodada anterior, o time comandado pelo David Wagner recebe o Augsburg, que, por sua vez, tenta pontuar para se ver longe da zona do rebaixamento. A partida acontece às 8h30 (horário de Brasília) e terá transmissão ao vivo no Watch ESPN, na TV Fechada.

Leia mais: Bayern e Borussia vencem e Campeonato Alemão segue acirrado

“Ficamos desapontados com o que oferecemos (contra o Borussia). É apropriado mostrar uma reação agora. Precisamos melhorar no setor ofensivo e ser mais compacto na defesa. Meu trabalho é dar confiança aos atletas”, afirmou o treinador dos “mineiros”. No primeiro turno, o Schalke venceu o confronto por 3 a 2, em um jogo cercado de emoções.

Para a partida, o Schalke, que está com 37 pontos, não poderá contar com os jogadores Amine Harit e Jean-Clair Todibo, além de Omar Mascarell e Benjamin Stambouli. A provável escalação da equipe é: Schubert; Oczipka, Nastasic, Sane, Kenny; Schopf, Serdar, McKennie, Caligiuri; Gregoritsch, Raman. Já o Augsburg , atual 14º e que soma 27 pontos, ainda não terá à disposição o zagueiro Simon Asta. O time deve vir a campo com: Luthe; Lichtsteiner, Jedvaj, Uduokhai, Max; Baier, Khedira; Richter, Lowen, Vargas; e Niederlechner.

Enquanto o time principal tenta se recuperar na Bundesliga , o Schalke se viu envolvido em uma grande polêmica durante a semana. Em meio à pandemia do Coronavírus, alguns dos seus jogadores de base foram flagrados participando de um torneio ilegal de futebol na cidade de Oberhausen, que é vizinha a Gelsenkirchen, casa da equipe. A diretoria do clube alemão lamentou o ocorrido e anunciou “duras penalidades” aos atletas. Um porta-voz do clube disse à imprensa local que os atletas já foram avisados da punição.

A competição foi organizada nas redes sociais por mais de 200 jogadores de vários clubes. O Post SV Oberhausen , dono do local, havia aberto seu campo para treinamentos sem contato corporal. Porém, quando percebeu que os atletas aproveitaram a oportunidade para organizar um torneio não autorizado, contatou as autoridades.

    Leia tudo sobre: Futebol

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários