Lance

Roberto Carlos arrow-options
Divulgação
Roberto Carlos

Em participação no podcast "Posse de Bola", do portal UOL, o jornalista Mauro Cezar Pereira defendeu os ex-jogadores Júnior e Leandro, ídolos do Flamengo. Durante uma comparação entre as seleções de 1982 e 2006, o comentarista da ESPN Brasil reconheceu o mérito dos laterais Roberto Carlos e Cafu, mas saiu em defesa dos rubro-negros. 

Leia também: Namorado da mãe de Neymar viveu 'trisal' com casal gay, afirma ex

- Cafu e Roberto Carlos não chegam a 50% do que Júnior e Leandro jogaram. O Roberto Carlos foi um ótimo jogador, mas não engraxava a chuteira do Júnior - disse Mauro, que criticou a conduta da mídia em tentar transformá-lo no melhor lateral-esquerdo da história.

- Existe também um esforço de setores da mídia para desconstruir Leandro e Júnior e para tentar transformar Roberto Carlos no melhor lateral da história agora que ele fez aniversário. Piada isso - afirmou o comentarista, que lembrou de Nilton Santos.

Na comparação entre as seleções de 1982 e 2006, o jornalista Arnaldo Ribeiro ressaltou que o técnico Carlos Alberto Parreira tinha melhores opções do que Telê Santana. Nas duas ocasiões o Brasil caiu para seleções europeias - Itália e França, respectivamente.

    Veja Também

      Mostrar mais