Michael foi destaque do Goiás em 2019
Site oficial
Michael foi destaque do Goiás em 2019

A três dias da reapresentação para a pré-temporada, o Palmeiras ainda não tem nenhum reforço para 2020. Sob o comando de Anderson Barros, o clube adotou uma postura silenciosa e sem a mesma volúpia dos últimos anos no mercado. O interesse por Michael , por exemplo, esfriou.

Leia também: "El Mago" Valdivia acerta salário com Palmeiras e fica perto de voltar ao clube

Destaque do Goiás no último Brasileiro, o atacante de 22 anos de idade foi motivo de conversa entre os presidentes de Palmeiras e Goiás. O clube esmeraldino quer receber o valor da multa rescisória, de R$ 50 milhões, e não se empolgou com a ideia de envolver jogadores em uma troca. Depois de ouvir os termos, o Verdão nem chegou a formalizar uma proposta.

Isto porque a intenção nesta temporada é buscar quem brigue, de fato, pela titularidade. E o diretor de futebol Anderson Barros já havia dito que há garotos também de grande potencial na função, como Veron, de 17 anos de idade. O colombiano Angulo, ex-sub-20, e Wesley, que estava emprestado ao Vitória, são outros atacantes de beirada que estarão à disposição.

Diante desta nova filosofia, o Palmeiras não tem tido pressa no mercado a fim de dar botes certeiros. A avaliação é de que há uma boa base para se iniciar a temporada, ainda mais com a promoção de jogadores do sub-20. Sem reforços engatilhados, o clube tem guardado, inclusive, quais posições considera serem necessárias contratações para o começo de 2020.

Ao mesmo tempo em que mapeia possíveis alvos, o Verdão tem negociado atletas. Artur está prestes a ser vendido ao Red Bull Bragantino por 6 milhões de euros (R$ 27 milhões). Já Gustavo Scarpa tem uma oferta de 7 milhões de euros (R$ 31,5 milhões) do Almería (ESP) - o clube espanhol ainda topa pagar mais 30% do lucro em cima desse valor em uma futura venda.

Victor Luis, Hyoran e Carlos Eduardo, que jogaram pouco em 2019, podem deixar o Palmeiras em busca de mais oportunidades. Deyverson , bastante criticado pela torcida, é um jogador que o Verdão entende ser possível vender para o exterior - o futebol chinês, que já teve times interessados nele, abriu a janela de transferências no dia 1º.

    Veja Também

      Mostrar mais