Flamengo
Nayra Halm/Fotoarena/Agência O Globo
Jogadores do Flamengo levantam a taça de campeão da Libertadores 2019

Após a conquista do bicampeonato da Libertadores neste sábado, o elenco do Flamengo volta ao Brasil para comemorar o título e festejar junto a torcida carioca. Desde a madrugada, uma multidão lota as ruas do Rio no aguardo pelo desfile da taça em carro aberto, que acontecerá no início desta tarde.

Leia mais: Só Zico fez mais gols que Gabigol pelo Flamengo em uma Libertadores

O trajeto previsto é até a estátua de Zumbi, próximo ao Sambódromo. Os amigos Raynara Souza, Bradock Silva e Anna Beatriz Lisboa vieram cedo de Jacarepaguá, na zona oeste, para garantir um bom lugar na festa. "Eu nem dormi direto", disse Anna Beatriz. "Eu dormi, mas o sono foi agitado", completou Bradock.

Alguns torcedores nem dormiram e emendaram a festa, como Edgar Rocha dos Santos, que tinha só 2 anos de idade quando o Flamengo ganhou a primeira Libertadores. "Eu vim para a Lapa às 3h. Estamos na festa direto. O meu pai era tricolor [Fluminense], mas desde cedo eu escolhi ser flamenguista", comemorava, enquanto tocava um triângulo.

O policiamento nas ruas próximas foi reforçado, inclusive com policiais da cavalaria. Porém é discreto o número de policiais entre a multidão. O caminhão que transporta jogadores e alguns membros da comissão técnica foi posicionado inicialmente em uma rua atrás da Candelária. 


    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários