Tamanho do texto

Seleção abre o placar com Marta, mas leva a virada da Espanha, em amistoso

undefined
CBF/Laura Zago
Seleção feminina perde para Espanha por 2x1 em amistoso

A pouco mais de dois meses para a estreia na Copa do Mundo, a seleção feminina brasileira perdeu mais uma vez. Agora, a algoz foi a Espanha, que venceu por 2 a 1, de virada, ontem, no Estádio Municipal Vicente Sanz, em Don Benito, na Espanha. Marta chegou a abrir o placar na etapa inicial, mas a equipe levou dois gols no segundo tempo, com Alexia Putellas e Virginia Torrecilla.

Leia também: Nem Pelé conseguiu! Atacante da seleção feminina dos EUA chega a 100 gols

Desde a conquista da Copa América, no ano passado, que valeu vaga no Mundial , o time de Vadão foi a campo oito vezes. Perdeu todas. Em 2019, foram cinco jogos e cinco derrotas. As outras três aconteceram no Torneio She Believes, nos Estados Unidos. Além das donas da casa, que venceram por 1 a 0, o Brasil não passou da Inglaterra (2 a 1) e do Japão (3 a 1).

Na segunda-feira, a seleção volta a campo diante da Escócia, às 15h (de Brasília), em San Pedro de Pinatar, também na Espanha. Será mais um amistoso preparatório antes do jogo com a Jamaica, dia 9 de junho, na França. O Brasil está no Grupo C, que ainda conta com Austrália e Itália.

Na estreia do novo uniforme da seleção feminina, especialmente desenhado para a disputa do Mundial na França, a seleção apresentou o velho futebol das últimas partidas.

De início, até conseguiu fazer alguma pressão na adversária. Marcou a saída de bola espanhola e teve uma aproximação após tabela entre Formiga e Debinha. Adriana não conseguiu finalizar.

O domínio, no entanto, não durou mais do que 15 minutos. Logo, as espanholas colocaram a bola no chão e só não abriram o placar pela ineficiência do ataque. Barbara pegou dois chutes.

Numa jogada despretensiosa, contudo, o Brasil contou com o faro de gol de Marta. Joyce cruzou da esquerda, Geyse disputou a bola no alto e a camisa 10 cabeceou no canto direito, aos 31 minutos.

Leia também: Futebol é patrimônio imaterial do povo brasileiro, diz especialista

O resultado adverso no placar não assustou a Espanha, que dominou o segundo tempo. Ao Brasil, restou se fechar na defesa em busca de um contra-ataque mortal com Marta . Cristiane, machucada, desfalcou o time.

O empate chegou aos 18 minutos. Hermoso cruzou da direita e Putellas, de cara com a goleira, marcou. A virada veio logo depois. Aos 24, Barbara saiu mal, espalmou a bola para baixo e Torrecilla bateu com precisão.

    Leia tudo sobre: futebol