Tamanho do texto

Suspensão inicial de um jogo foi ampliada para quatro partidas. Palmeiras e Santos devem recorrer para não perder atletas na semifinal do Paulista

undefined
Renato Pizzutto/BP Filmes
Confusão entre Palmeiras e Santos no último dia 23 de fevereiro levou dois jogadores a serem julgados pelo TJD-SP

Na noite desta segunda-feira (01) o Tribunal de Justiça Desportiva (TJD) de São Paulo aumentou a suspensão de Moisés, do Palmeiras, e Gustavo Henrique, do Santos, para quatro jogos, o que os tira do restante do Campeonato Paulista.

Leia também:  Coluna do Cimatti - 'Está tudo aberto nas semifinais do Campeonato Paulista'

A suspensão teve origem no dia 23 de fevereiro, no clássico disputado no Allianz Parque. Os dois se envolveram numa confusão durante a partida após a marcação de uma falta e precisaram ser separados pelos companheiros.

A pena inicial divulgada no dia 11 de março era de um jogo de suspensão para cada atleta, porém os times recorreram da decisão e um novo julgamento foi realizado nesta segunda-feira.

Inicialmente a dupla tinha sido enquadrada do artigo 258 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD) que trata da “conduta contrária à disciplina ou à ética”. Na decisão desta segunda, a suspensão mudou para o artigo 254 que trata de “agressão física”

Como a decisão agora é do Pleno, a segunda instancia do TJD, não existe possibilidade de mais recursos. De acordo com informações do Globoesporte.com, Santos e Palmeiras irão entrar com recurso no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), no Rio de Janeiro.

Assista abaixo a confusão:


Leia também:  Deyverson convida mulher que pedia dinheiro para jantar em restaurante

Tanto Palmeiras quanto Santos estão na semifinal do Campeonato Paulista e a suspensão preocupada para a próxima semana. O Palmeiras receberá o São Paulo, no domingo (07), no Allianz Parque as 16h00 (horário de Brasília). Já o Santos enfrenta o Corinthians na segunda-feira (08), no Pacaembu as 20h00.

    Leia tudo sobre: Futebol