Tamanho do texto

Internado por conta de uma encefalite viral, dirigente corintiano irá retomar o comando no clube a partir da próxima segunda-feira

O presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, recebeu alta nesta sexta-feira (15) e deixou o hospital São Luiz, na zona sul de São Paulo, após ficar 10 dias internado devido a uma encefalite viral.

Leia também: Há 15 anos São Caetano e Paulista fizeram uma final surpreendente

Andrés Sanchez, presidente do Corinthians, foi diagnosticado com encefalite viral
Reprodução
Andrés Sanchez, presidente do Corinthians, foi diagnosticado com encefalite viral

De acordo com Jorge Kalil, médico e atual diretor-adjunto de futebol do clube alvinegro, Andrés Sanchez teve boa evolução nos últimos dias e foi autorizado a deixar o hospital por apresentar "ótimas condições clínicas e laboratoriais".

Leia também: Barcelona e Manchester United se enfrentam nas quartas da Champions; veja jogos

O presidente do Corinthians voltará ao trabalho já na próxima segunda-feira (18). Andrés foi internado no último dia 6 de março após ser diagnosticado com encefalite viral , vírus que atinge o sistema nervoso, e chegou a ficar na UTI (unidade de terapia intensiva). Enquanto esteve internado, o clube alvinegro ganhou do Ceará por 3 a 1, pela terceira fase da Copa do Brasil.

Leia também: Rabiot é afastado novamente do PSG por noitada após eliminação na Champions

Andrés Sanchez , ex-deputado federal pelo PT, de 55 anos, foi eleito como mandatário do time paulista em fevereiro do ano passado, depois de liderar o clube de 2007 a 2011.

    Leia tudo sobre: futebol