Tamanho do texto

Andressa Alves atua no Barcelona, da Espanha, e é uma das principais jogadoras da seleção brasileira

Andressa Alves é uma das estrelas do futebol feminino brasileiro
CBF/Divulgação
Andressa Alves é uma das estrelas do futebol feminino brasileiro

É fato que, com a obrigatoriedade imposta pela CBF aos clubes brasileiros, o futebol feminino no Brasil vem se tornando cada vez mais um esporte popular. Mas como foi o início da modalidade no País?

Leia também: Abandonado por décadas, futebol feminino ressurge em grandes do Brasil

Muitas atletas antes do surgimento de Marta suaram a camisa para promover o futebol feminino , um esporte que até hoje luta muito pelo reconhecimento. E, logo depois disso, veio a safra da própria Marta, Formiga e Cristiane, entre outras.

Atualmente, a camisa 9 da seleção brasileira é Andressa Alves ,  que atua no futebol europeu - a  atacante fez história ao ser a primeira brasileira contratada pelo Barcelona.

Andressa atua em diversas posições, como meia-atacante, centroavante, volante e lateral. Com 26 anos de idade, ela já possui marcas importantes em sua carreira, como o título da Copa América feminina de 2018.

Leia também: De volta ao futebol feminino, São Paulo anuncia atacante Cristiane para 2019

Polivalente, a jogadora do Barcelona e da seleção brasileira contou ao iG Esporte como foi seu processo em sua carreira desde o início.  "Foi quando eu passei no meu primeiro teste em 2009 no Juventus", lembrou.

A jogadora da seleção, mesmo atuando na Europa, cobra melhorias no futebol feminino em um contexto geral. "Hoje, no Brasil, é preciso ser melhorado, os investimentos financeiros e também estruturais", disse.

Andressa Alves é uma das estrelas do futebol feminino brasileiro. Ela joga no Barcelona
Divulgação
Andressa Alves é uma das estrelas do futebol feminino brasileiro. Ela joga no Barcelona

Andressa Alves disse que sonha em voltar a atuar novamente no futebol brasileiro. Ela revelou que tem saudades, mas que infelizmente não poderia retornar agora por questões financeiras.

Ela comentou também a participação da seleção feminina na "She Believes", competição amistosa realizada nos Estados Unidos na semana passada. O Brasil jogou três vezes e perdeu todas. "Os resultados foram muito abaixo do esperado, mas vamos trabalhar com o auxilio do Professor Vadão em busca da melhoria", avaliou.

Leia também: CBF anuncia mudanças no calendário das categorias de base e futebol feminino

Sobre ser mulher e jogar futebol, ela disse. "Ser mulher é se superar, a cada dia principalmente dentro do futebol porque a cada dia temos que mostrar que mulher também pode jogar futebol ou qualquer outro esporte", comentou.

"Que possamos continuar sendo fortes e lutando a cada dia pelo que queremos, sem que ninguém nos diga que não somos capazes. Só é loucura até ser feito. Apenas faça!", concluiu Andressa Alves, estrela do futebol feminino brasileiro.

    Leia tudo sobre: futebol