Tamanho do texto

Jogador foi expulso logo no começo do jogo diante do Cerro Porteño e deixou o Palmeiras em situação complicada dentro do duelo

Felipe Melo foi expulso logo no começo do jogo contra o Cerro Porteño e quase prejudicou o Palmeiras
Twitter/Reprodução
Felipe Melo foi expulso logo no começo do jogo contra o Cerro Porteño e quase prejudicou o Palmeiras

O Palmeiras perdeu do Cerro Porteño em casa na noite desta quinta-feira, por 1 a 0, mas se classificou às quartas de final da Libertadores. O jogo no Allianz Parque poderia ter sido muito mais tranquilo caso Felipe Melo não fosse expulso logo aos quatro minutos de jogo, deixando o duelo tenso e nervoso.

Leia também: Palmeiras leva susto, joga com um a menos, mas elimina o Cerro Porteño

Irritados com a postura de Felipe Melo em campo, que cometeu uma falta criminosa em  Victor Cáceres, alguns torcedores palmeirenses criaram uma petição online pública pedindo a rescisão do contrato do volante com o clube.

Ela pode se acessada  clicando aqui .

A descrição da petição diz o seguinte: "Exigimos a rescisão do contrato do volante Felipe Melo, que cada vez mais compromete a Sociedade Esportiva Palmeiras dentro e fora de campo".

Perna de Cáceres ficou bastante machucada após entrada violente de Felipe Melo
Twitter/Reprodução
Perna de Cáceres ficou bastante machucada após entrada violente de Felipe Melo

Além dos cartões vermelhos que recebe, o volante também prejudica nas suspensões por cartões amarelos. No Brasileirão, por exemplo, o jogador já recebeu nove advertências em apenas 13 rodadas que esteve em campo - neste ano de 2018 já são 18 amarelos no total.

A expulsão contra o Cerro foi a segunda do atleta no ano. Com a fama de ser um jogador violento, Felipe Melo chegou à marca de 23 expulsões durante sua carreira, contando passagens por Flamengo, Inter de Milão, Juventus, Fiorentina, Galatasaray e outros clubes.

Veja como foi o lance no Allianz Parque:

Depois da partida, o técnico Luiz Felipe Scolari preferiu não condenar o volante pela jogada violenta que causou sua expulsão e exaltou a equipe.

Leia também: A Libertadores sai mais derrotada do que o Corinthians no meio de semana

"Quero falar do que aconteceu depois do episódio da expulsão. Não tenho nada a dizer da arbitragem. Quero falar da equipe que jogou 98 minutos com dez jogadores, é o que tenho de valorizar. Tomou um gol em um cruzamento, chute fantástico que nem sei o que aconteceu. Assim se formam equipes vencedoras", disse.

" Felipe Melo , situações antes ou depois, é algo de vestiário e vou tratar internamente", finalizou Felipão.

    Leia tudo sobre: Futebol