Tamanho do texto

Após primeiro tempo fraco, Bahia foi muito superior na segunda etapa e venceu o vasco por 3 a 0. Botafogo e Vitória empatam pelo Brasileirão

A sétima rodada do Brasileirão continuou na tarde desde domingo. Quatro jogos iniciaram as 16 horas e os visitantes deram trabalho, mas o Inter conseguiu a virada sobre o Corinthians nos acréssimos e o Botafogo buscou o empate contra o Vitória .

Leia também: Em caso do hexa, CBF vai premiar cada  jogador da seleção com R$ 3,7 milhões

Leandro Damião marcou um dos gols da vitória do Internacional no Brasileirão
Divulgação
Leandro Damião marcou um dos gols da vitória do Internacional no Brasileirão

 Em Porto Alegre, o Corinthians até abriu o placar bem no início da partida contra o Inter, mas o colorado empatou com Leandro Damião e virou com Rossi, em uma falha dupla de Mantuan e do goleiro Walter, já nos acrécimos. Botafogo e Vitória somaram um ponto cada na tabela do Brasileirão . O time de Salvador marcou com Denílson, após trapalhada na saída de bola. O alvinegro empatou cinco minutos depois, com uma boa jogada de Kieza.

O Bahia já derrotava o Vasco com gol do aniversariante Élber, mas ampliou nos acrécimos com gols dos meias Zé Rafael e Régis. No quarto jogo da tarde, o Cruzeiro derrotou o Santos no Pacaembu. O gol de Bruno Silva saiu após uma cobrança de escanteio.

Leia também: Copa é vitrine! Veja jogadores que podem trocar de clube após o Mundial

Veja como foram os jogos das 16h

Internacional 2 x 1 Corinthians

Mesmo jogando fora de casa, o Corinthians abriu o placar logo aos 4 minutos de jogo. Roger foi lançado na ponta direita. O atacante tocou com Romero, que cruzou para a área. Matheus Vital aproveitou que bola foi entre a zaga e e goleiro, se antecipou e apenas completou para abrir o placar.

O empate do Inter veio só na segunda etapa. Aos 18 minutos, Lucca foi até a linha de fundo e cruzou na área. Leandro Damião, que já havia levado a melhor em algumas oportunidades, se posicionou bem e não teve trabalho para igualar o confronto.

A vidada veio naos 46 minutos. Zeca lançou para o ataque, buscando Rossi. Walter a Mantuan foram para a bola, mas o lateral se antecipou e escorregou na hora de fazer o domínio. Assim, a bola sobrou livre para o atacante colorado apenas rolar para o gol vazio. Uma trapalhada do sistema defensivo alvinegro.

Santos 0 x 1 Cruzeiro

O jogo no Pacaembi teve um primeiro tempo monótono. Com poucos torcedores na arquibancada, o Cruzeiro criou duas boas jogadas na metade do segundo tempo e conseguiu sair na frente.

Aos 29 minutos, Raniel deu um lindo drible em David Brás, arrancou em velocidade e deu um passe açucarado para Robinho. O meia tentou dar uma cavadinha por cima de Vanderlei, mas o goleiro faz uma linda defesa e coloca a bola pela linha de fundo. Na cobrança, Raniel desviou na primeira trave e Bruno Silva apareceu sozinho para tocar de cabeça para o gol vazio. O volante tinha acabado de entrar e aproveitou a primeira oportunidade que teve.

Bahia 3 x 0 Vasco

Bahia e Vasco fizeram um primeiro tempo marcado pela falta de criatividade e muitos erros de passes. Os donos da casa até chegaram a dominar as ações em uma parte dos 45 minutos iniciais, mas não criou nenhuma chance clara.

O Tricolor abriu o placar apenas aos 21 minutos da segunda etapa. Régis e João Pedro tabelaram pelo lado direita, o lateral foi até à linha de fundo, entrou na área cruzou rasteiro. Élber, aniversariante do dia, aproveitou a oportunidade e comemorou muito.

Já nos acréssimos, o Bahia aproveitou os espaços para marcar mais dois gols. Primeiro Zé Rafael disparou sozinho e precisou de tuas tentativas para deixar o dele. Na sequência, Gregore encontrou Allione sem marcação na grande área. O meia rolou para Régis apenas tocar sem goleiro para o fundo das redes.

Botafogo 1 x 1 Vitória

Outra partida que os visitantes saíram na frente. Aos 38 do primeiro tempo, Bochecha recua do meio campo para Jefferson, no sufoco. O goleira tenta passe para Marcinho, mas Neílton é mais esprto, antecipa e só rola para Denílson. O atacante toca para o gol vazio e coloca o vitória na frente.

Leia também: CR7 de saída do clube? "Foi muito bonito estar no Real Madrid" Cinco minutos depois, Jefferson aprendeu que as vezes é melhor não sair jogando. Após mais um recuo, o goleiro resolve dispachar para o ataque e o chutão virou uma assistência. Kieza dominou, arrancou, ganhou de Ramos na velocidade  e finalizou na saída de Elias. Bela jogada individual do camisa 9 alvinegro.

    Leia tudo sobre: Futebol

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.