Tamanho do texto

Diretor de futebol Alexandre Mattos confirmou que o meio-campista está livre para procurar outro clube

Felipe Melo não é mais jogador do Palmeiras
FÁBIO MENOTTI/AG. PALMEIRAS
Felipe Melo não é mais jogador do Palmeiras

O meio-campista Felipe Melo não é mais jogador do Palmeiras . Quem confirmou o afastamento foi o diretor de futebol Alexandre Mattos, que concedeu entrevista coletiva na tarde desta terça-feira para falar sobre o assunto. O dirigente explicou toda polêmica no vestiário do Mineirão após o empate com o Cruzeiro, que eliminou o time da Copa do Brasil, e ainda condenou o áudio vazado do atleta falando contra o técnico Cuca.

Leia também: "Procura-se traidor": cartaz em Barcelona pede saída de Neymar

"Ele vai seguir outro caminho. Acima de qualquer coisa, temos que ter respeito, ambiente bom. O Palmeiras vem vivendo momento bom, mas acima de tudo precisa haver esse respeito. Tudo o que foi dito por parte do Palmeiras, tanto do Cuca e do Felipe Melo , eu vi alguma coisinha. Depois do jogo no Mineirão, o Felipe teve uma situação de desrespeito muito forte com o Cuca", disse Mattos.

Felipe Melo se desentendeu com preparador físico durante treino
Divulgação
Felipe Melo se desentendeu com preparador físico durante treino

De acordo com o dirigente, a decisão de afastar em definitivo o jogador havia sido tomada já na última sexta-feira, quando Cuca não o relacionou para o duelo contra o Avaí. 

Leia também: Mulher de jogador colombiano tem fotos íntimas vazadas na internet

"O Felipe tem relação boa dentro do grupo, cobra muito. As pessoas entendem isso de várias maneiras, mas o grupo está reagindo. Fizemos bons jogos. Acima de tudo, tem que ter foco. Venho batendo muito com eles que o foco tem que existir como no ano passado. Futebol não tem muito segredo. O Palmeiras está novamente encontrando o caminho", comentou Alexandre Mattos .

Áudio vazado

Na segunda-feira, um áudio de uma conversa do jogador vazou na internet, invadiu as redes sociais e acabou ‘obrigando’ Felipe Melo a se explicar em público, já que suas declarações de que não trabalharia mais com Cuca e de que estaria estudando ofertas de pelo menos seis clubes brasileiros caíram como uma bomba.

“Aqui (no Palmeiras) não tem jeito, aqui já era. Com esse cara eu não trabalho, entendeu? Esse cara é covarde, mau caráter, mentiroso, falou uma coisa e fica ligando para imprensa para falar um monte de coisa. Quando eu falar eu vou rasgar ele no meio, mas, enfim, agora vamos ver. Confesso que tem vários clubes interessados. Vários. Corinthians, Inter, São Paulo, Grêmio, Atlético-MG, Flamengo. Todo mundo está interessado", disse o meio-campista.

Leia também: Arena Corinthians vai receber maior evento de caminhões e torcida reclama

Alexandre Mattos falou sobre isso. "O que eu quero transmitir é que ninguém da diretoria veio falar isso, o áudio está me fazendo falar hoje, porque não havia necessidade. Segue a vida em paz. Infelizmente, o áudio, que foi algo natural com alguma pessoa, acarretou essa confusão toda. O Cuca já tinha deixado claro na fala dele que o Felipe Melo poderia seguir o caminho dele. Precisamos ter convicção, certa ou errada. Depois vemos", finalizou.


    Leia tudo sobre: Futebol