Tamanho do texto

Técnico de 55 anos, que estava no Santos até o início de junho, chega em um momento conturbado do time, que está na zona de rebaixamento do nacional

Dois dias depois de demitir Rogério Ceni, o São Paulo  já tem um novo treinador. Trata-se de Dorival Júnior, que foi anunciado na tarde desta quarta-feira. O treinador de 55 anos, que deixou o Santos no início do mês passado, chegará em um momento conturbado do clube tricolor, que está na zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro, com 11 pontos após 11 rodadas.

Leia também: Filho de Guerra, do Palmeiras, sofre acidente em piscina e é hospitalizado

O contrato entre Dorival Júnior e São Paulo será válido até o fim de 2018. Com ele, chega também o seu filho Lucas Silvestre, que é auxiliar-técnico, e Celso Resende, preparador físico. A contratação foi anunciada pelo presidente do clube, Carlos Augusto Barros e Silva, o Leco, através do Twitter.

Dorival Júnior é o novo técnico do São Paulo
Arquivo iG
Dorival Júnior é o novo técnico do São Paulo

"Dorival Júnior é o novo técnico do São Paulo. Desejo a ele boas-vindas e sucesso", escreveu o mandatário. or conta de problemas pessoais, Dorival será apresentado na segunda-feira. Sendo assim, o time será comandado pelo auxliar Pintado no clássico contra o Santos, domingo, às 19h, na Vila Belmiro.

Leia também: Ronaldo terá que indenizar jornalista por episódio ocorrido na Copa de 2002

Dorival foi demitido do Santos, seu último clube, após derrota para o Corinthians no dia 4 de junho por 2 a 0. Mas no clube da Vila Belmiro, onde ele chegou em 2015 e pegou o time na zona de rebaixamento do Brasileiro e levou à sétima colocação, o treinador conquistou um Campeonato Paulista e foi vice-campeão da Copa do Brasil de 2015 e do Brasileiro do ano passado.

Em 2014, conseguiu evitar o rebaixamento de outro clube paulista, o Palmeiras. Ele chegou ao alviverde em setembro daquele ano com o time na 16ª colocação e conseguiu terminar na mesma posição. Este será o terceiro clube de Dorival em São Paulo e, curiosamente, ele assume mais uma vez com a missão de evitar um rebaixamento.

Carreira

Seu primeiro trabalho como técnico foi no Figueirense, em 2003. Passou então por Fotaleza, Criciúma, Juventude, Sport, Avaí, São Caetano, Cruzeiro, Coritiba e Vasco da Gama, onde ganhou a Série B de 2009. Chegou ao Santos no ano seguinte e, com a geração de Neymar, ganhou o Campeonato Paulista e a Copa do Brasil de 2010. Deixou o clube justamente por conta de uma intriga com o atacante.

Leia também: Conhece Efmamjjasond Gonzáles? Nome do jogador esconde uma explicação insólita

Dorival Júnior passou ainda por Atlético Mineiro, Internacional, Flamengo, Vasco outra vez, Fluminense, Palmeiras até chegar ao Santos, clube que comandou em quase 200 jogos.

    Leia tudo sobre: futebol