Tamanho do texto

Três vezes campeã da Champions e eleita melhor de 2014 pela Fifa, a ex-jogadora alemã vai contribuir para o desenvolvimento do futebol feminino

Nadine Kessler é conselheira de futebol feminino da Uefa
Divulgação
Nadine Kessler é conselheira de futebol feminino da Uefa

A Uefa anunciou nesta segunda-feira (6) a ex-jogadora Nadine Kessler como nova integrante da diretoria da entidade, sendo conselheira para o desenvolvimento do futebol feminino. As principais funções da alemã incluem supervisionar o esporte, tal como contribuir para o crescimento das competições entre mulheres.

LEIA TAMBÉM: Ex-santista supera inglês e se torna jogador mais velho da história

"O jogo das mulheres está se desenvolvendo em um ritmo acelerado e as oportunidades estão se abrindo agora de forma que nem sonhávamos quando eu estava começando a carreira", disse Nadine ao site da Uefa . "Quero fazer tudo o que estiver ao meu alcance para que as nossas melhores competições, como a Euro e a Liga dos Campeões femininas cheguem à níveis mais elevados, contribuindo para o desenvolvimento do futebol feminino em todos os cantos da Europa".

Aos 28 anos, Nadine Kessler se aposentou precocemente em 2016 por conta de uma lesão no joelho. Três vezes campeã da Champions League, conquistou a Eurocopa feminina em 2013 com a camisa da seleção alemã. No ano seguinte, foi eleita a melhor jogadora do mundo e do continente.

LEIA TAMBÉM: E se as bandas de rock fossem times de futebol? Confira essas camisas legais

Uefa

"Nós estamos absolutamente entusiasmados em anunciar a chegada das lendas europeias Nadine Kessler e Dejan Stankovic à Uefa. Nadine se junta a nós como conselheira de futebol feminino e Dejan é o novo conselheiro de desenvolvimento do futebol. Sejam bem-vindos!", escreveu a entidade no Instagram.

LEIA TAMBÉM: Medo de retaliação faz Malásia proibir seleção de ir à Coreia do Norte

O presidente da Uefa, Aleksander Čeferin, declarou dar seu total apoio ao futebol feminino. "Eu sinto que há um enorme potencial para que possamos desenvolver e melhorar este lado do jogo", disse. "Estou estudando formar de melhorar a Liga dos Campeões feminina, para dar ainda mais atenção do que hoje".

    Leia tudo sobre: futebol