Tamanho do texto

Natural de Belo Horizonte, Carlos Alberto conquistou o torneio nacional com o Guarani em 1978; ele também conquistou a medalha de prata em Seul-88

Carlos Alberto Silva, campeão brasileiro com o Guarani, morreu aos 77 anos
Divulgação
Carlos Alberto Silva, campeão brasileiro com o Guarani, morreu aos 77 anos

Campeão brasileiro com o Guarani e também ex-técnico da seleção brasileira, Carlos Alberto Silva morreu na manhã desta sexta-feira (20), aos 77 anos. A informação foi confirmada por funcionários da Ibiza Turismo, empresa que ele era dono. De acordo com a empresa, os familiares estão abalados com a notícia. A causa da morte ainda não foi divulgada.

LEIA MAIS: Trabalhador britânico morre em obra de estádio da Copa do Mundo no Catar

No final de 2016, Carlos Alberto Silva foi submetido a uma cirurgia no coração. Segundo relatos, ele estava em casa após a operação, mas ainda em fase de recuperação. O Guarani informou que a família não sabe a causa da morte, porém ele não teria acordado nesta manhã.

LEIA MAIS: Beckham reencontra vovó do Manchester United: "Esta senhora cuidava de mim"

O clube campineiro aguarda o posicionamento de familiares sobre o velório e enterro e também planeja uma homenagem para o ex-comandante. Em sua página oficial na rede social Twitter, o time, que subiu para a Série B, agradeceu Carlos Alberto. "Obrigado por tudo, mestre", escreveu.

Carreira

Nascido em Belo Horizonte, Carlos Alberto fez graduação em educação física e tornou-se conhecido no futebol ainda no seu primeiro trabalho, justamente quando conduziu o Guarani ao seu primeiro e único título brasileiro da história. Em 1978, os campineiros venceram o Palmeiras na ocasião.

Em seguida, foi contratado pelo São Paulo e conquistou dois títulos em duas passagens. A primeira foi entre 1980 e 1981 e ele foi campeão paulista no primeiro ano. A segunda vez que foi para o Morumbi foi entre 1989 e 1990 e novamente conseguiu levar para a sala de troféus tricolor um campeonato estadual.

LEIA MAIS: Aos 38, Drogba daria jogo? Confira esta seleção de 'trintões' do Brasileirão

Carlos Alberto passou ainda pelo Atlético-MG, onde conquistou o campeonato mineiro, pelo Santa Cruz, onde foi campeão pernambuucano, Cruzeiro, Corinthians, Palmeiras, Goiás, América-MG e Santos. Ele é um dos poucos técnicos a comandar os quatro grandes paulistas. Além disso, foi um ótimo treinador no exterior.

Em 1992 e 1993, foi bicampeão português com o Porto, antes, em 1991, conquistou o campeonato japonês com o Yomiuri Kawasaki. Fora isso, Carlos Alberto Silva comandou a seleção brasileira entre 1987 e 1988. Foi campeão dos Jogos Pan-Americanos de 1987 e conquistou a medalha de prata nos Jogos Olímpicos de Seul, um ano depois, quando o Brasil perdeu para a União Soviética por 2 a 1 na prorrogação.

    Leia tudo sobre: futebol