Ex-piloto é baleado na cabeça
Instagram
Ex-piloto é baleado na cabeça

Apontado como uma das lendas da motocicleta e membro do Hall da Fama da categoria, o ex-piloto de motos profissional, Miguel Duhamel , hoje com 52 anos, foi baleado na cabeça enquanto treinava com uma bicicleta na Red Rock Loop, em Las Vegas , nos Estados Unidos. Felizmente, ele não sofreu ferimentos graves.

Em relato, o ex-piloto, que foi tratado por paramédicos no local, explicou que ouviu o barulho do tiro e, em um primeiro momento, não entendeu o que tinha ocorrido. Logo em seguida, sentiu uma dor aguda na cabeça e percebeu que tinha sangue escorrendo. Ele foi baleado com uma arma de ar comprimido e o capacete e o boné que estava usando o protegeu de uma grande parte dos danos que o chumbo poderia ter causado.

“Fomos passear e o ocupante de um carro que passava me deu um tiro”, explicou o ex-piloto em seu Instagram .

A polícia ainda não sabe quem cometeu o ato e o motivo. Diante do fato, a comunidade de bicicletas da região está alerta contra possíveis novos ataques.

Por mais de 20 anos, o canadense Miguel Duhamel foi um dos pilotos mais importantes da cena americana. Ele começou sua carreira nos anos 80 competindo na Endurance World Cup, o campeonato canadense e fazendo suas primeiras inclusões na AMA.

Ele até participou da Copa do Mundo das 500CC e, também, do MotoGP, precisamente nos últimos estágios de sua carreira esportiva. Ele é o quarto piloto na história da AMA em número de vitórias e também alcançou um total de oito títulos entre as categorias Supersport, Formula Extreme e Superbike. Por todas essas razões, ele faz parte do Hall of Fame da AMA .

    Veja Também

      Mostrar mais