Tamanho do texto

Emerson Fittipaldi comemorou com Suco de Laranja ao vencer as 500 milhas de Indianápolis. Tradicionalmente, primeiro colocado comemora com leite

Emerson Fittipalti deixou todos os americanos muito irritados há exatos 25 anos, quando ganhou a prova das 500 milhas de Indianápolis . A grande tradição da corrida é que o vencedor tome uma garrafa de leite durante a celebração da conquista. No entanto, o brasileiro decidir quebrar o protocolo e beber uma garrafa de suco de laranja .

Leia também: "A melhor volta que você nunca viu": McLaren recria volta antológica de Senna

Emerson Fittipaldi com suco de laranja ao ganhar as 500 milhas de Indianápolis
Reprodução
Emerson Fittipaldi com suco de laranja ao ganhar as 500 milhas de Indianápolis

Os fãs da Fórmula Indy ficaram chocados com o ato de Fittipaldi e começaram a vaiar a atitude. Logo depois, o brasileiro recebeu a tradicional garrafa de leite e comemorou como é feito desde 1936, quando Louis Meyer venceu as 500 milhas pela segunda vez e foi filmado bebendo leite para se hidratar após quatro horas de corrida. Com essa imagem, os fabricantes decidiram usar a gravação para incentivar o consumo do produto como a bebida dos campeões. A moda pegou e virou algo rotineiro na tradicional prova do automobilismo.

O brasileiro justificou a quebra da tradição revelando que era um ato para promover a produção de laranjas do Brasil. Para isso, ele mesmo providenciou uma garrafa de suco.

Mesmo 25 anos após a fato curioso, a garrafa que Fittipaldi usou ainda existe. Ela pertence a Rick Rinaman, chefe dos mecânicos do piloto e que trabalha atualmente na própria equipe, a Penske.

Leia também: Daniel Ricciardo vence GP de Mônaco e celebra redenção de 2016

A prova

No dia 30 de maio de 1993, Emerson largou apenas da nona posição após não fazer uma grande volta de classificação. A pole position ficou com o holandês Arie Luyendyk, seguido de Mario Andretti e Raul Boesel. 

Durante a prova, o principal nome a ser batido era Nigel Mansel, campeão de Fórmula 1, que passou a liderar a prova nas voltas finais e parecia confirmar seu favoritismo. Na volta 182, Mansell liderava à frente de Emerson e Luyendyk. No entanto, o inglês não fez uma boa relargada na volta 184 e permitiu que o brasileiro se aproximasse. Em uma grande ultrapassagem, Fittipaldi passou o ex-piloto da Williams e assumiu a primeira colocação.

Nigel Mansell ainda danificou a sua suspenção após resvalar no muro, mas se manteve em terceiro e completou a prova.

Depois da corrida, o piloto brasileiro disse que não tomaria leite para comemorar. Durante a transmissão da rede ABC, Emerson confirmou que beberia suco de laranja daquela vez, porque era um produto seu. Diantes das câmeras, Fittipaldi recusou todas as tentativas de segurar uma garrafa de leite que lhe era oferecida. Sem os holofotes, pegou a embalagem e tomou um gole.

Leia também: Volta das grid girls à F1 anima Vettel e Hamilton: "Gosto de mulheres"

O resultado final

1.Emerson Fittipaldi (BRA/Penske) 
2.Arie Luyendyk (HOL/Chip Ganassi) 
3.Nigel Mansell (GBR/Newman-Haas) 
4.Raul Boesel (BRA/Dick Simon Racing) 
5.Mario Andretti (EUA/Newman-Haas) 
6.Scott Brayton (EUA/Dick Simon Racing) 
7.Scott Goodyear (CAN/Walker) 
8.Al Unser Jr (EUA/Galles) 
9.Teo Fabi (ITA/Jim Hall Racing) 
10.John Andretti (EUA/AJ Foyt) 
11.Stefan Johansson (SUE/Bettenhausen) 
12.Al Unser (EUA/King Racing) 
13.Jimmy Vasser (EUA/Hayhoe Racing) 
14.Kevin Cogan (EUA/Galles) 
15.Davy Jones (EUA/Euromotorsport) 
16.Eddie Cheever (EUA/Menard) 
17.Gary Bettenhausen (EUA/Menard) 
18.Hiro Matsushita (JAP/Walker) 
19.Stéphan Grégoire (FRA/Formula Project Engineering) 
20.Tony Bettenhausen Jr (EUA/Bettenhausen) 
21.Willy T. Ribbs (EUA/Walker) 
22.Didier Theys (BEL/Hemelgarn) 
23.Dominic Dobson (EUA/Burns Racing) 
24.Jim Crawford (GBR/King Racing) 
25.Lyn St. James (EUA/ Dick Simon Racing) 
26.Geoff Brabham (AUS/Menard)

Não completaram: 
Robby Gordon (EUA/AJ Foyt) 
Roberto Guerrero (COL/King Racing) 
Jeff Andretti (EUA/Pagan Racing) 
Paul Tracy (CAN/Penske) 
Stan Fox (EUA/Hemelgarn) 
Nelson Piquet (BRA/Menard) 
Danny Sullivan (EUA/Galles)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.