Tamanho do texto

Para torcer para piloto norueguês, quatro finlandesas ficaram de calcinha ao lado da pista de corrida; câmera de bordo registrou o momento inusitado

67º Rali da Finlândia, torcedoras fazem recepção para piloto norueguês Mads Ostberg
Reprodução
67º Rali da Finlândia, torcedoras fazem recepção para piloto norueguês Mads Ostberg

Quatro torcedoras deram o que falar durante o 67º Rali da Finlândia . Para demonstrar apoio, elas apareceram somente de calcinha ao lado da pista de competição. No entanto, a assistência inusitada acabou sendo mais uma distração para o piloto Mads Ostberg.

LEIA TAMBÉM: Arena Corinthians vai receber maior evento mundial de caminhões

Após completar uma curva, o norueguês deu de cara com a recepção das torcedoras . E se não bastasse elas terem sido flagradas por um fotógrafo local que cobria a corrida, a câmerca de bordo do M-Sport Ford Fiesta WRC de Mads Ostberg também registrou o topless das mulheres.

LEIA TAMBÉM: Piloto de rali escapa de tragédia por conta da mureta de proteção; assista

Câmera filmadora automotiva do carro do piloto registrou o topless das torcedoras
Reprodução
Câmera filmadora automotiva do carro do piloto registrou o topless das torcedoras

Diríamos que este diferente modo de torcida não foi o melhor para o piloto , já que Ostberg terminou a corrida em décimo lugar. No entanto, pode-se afirmar que ele não esquecerá muito cedo o que aconteceu no rali da Escandinávia.

LEIA TAMBÉM: Piloto desmaia em cima da moto e sofre acidente a 225km/h; assista o vídeo

Outro caso

Esta não é a primeira vez que torcedoras mostram os peitos no esporte mundial. Durante partida entre Miami Marlins e St. Louis Cardinals, válido pela MLB (Major League Baseball), a liga norte-americana profissional de beisebol, outra cena incomum aconteceu. Nas arquibancadas, uma torcedora da franquia da Florida decidiu mostrar os seios para tentar distrair o arremessador Brett Cecil, do time adversário, e foi flagrada pelas câmeras de TV. A mulher identificada como Korina Evaniuk, de apenas 22 anos de idade, não conseguiu atrapalhar o rival, já que o Cardinals venceu a partida por 7 a 5. O que ela conseguiu foi se tornar um fenômeno viral na internet, com seu vídeo circulando as redes sociais pelo mundo. "Eu estava me divertindo. Nós estávamos bebendo muito ali no jogo. Eu só queria criar uma distração para o jogador da equipe de St. Louis, mas não deu muito certo", disse a loira em entrevista ao jornal "Inside Edition".


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.