Flamengo supera crise, desfalques e derrota o Atlético-MG no Maracanã
[email protected] (O Dia)
Flamengo supera crise, desfalques e derrota o Atlético-MG no Maracanã

Após quatro jogos, o Flamengo voltou a vencer na temporada. Mesmo com desfalques e vivendo dias de crise, o Rubro-Negro levou a melhor e derrotou o Atlético-MG por 1 a 0 no Maracanã. O gol da partida foi marcado por Michael na primeira etapa. Com o resultado, o Rubro-Negro reduziu para 10 pontos a vantagem dos mineiros. Porém, o clube carioca tem dois jogos a menos.

O resultado positivo serve para aliviar a pressão sobre os jogadores e principalmente sobre Renato Gaúcho. Após a eliminação para o Athletico-PR, na Copa do Brasil, o técnico chegou a colocar o cargo à disposição, mas foi convencido pela cúpula de futebol a permanecer no Flamengo.

O Flamengo volta a jogar pelo Campeonato Brasileiro na próxima terça-feira. A partida será contra o Athletico-PR, na Arena da Baixada, e faz parte de um dos jogos adiados que o clube carioca terá a cumprir pelo Campeonato Brasileiro.

O primeiro tempo entre Flamengo e Atlético-MG foi muito equilibrado. O clube carioca começou com mais posse de bola, tentado impor o seu jogo no Maracanã. Porém, esbarrava na marcação do Galo e não conseguia criar grandes chances. A primeira oportunidade foi criada pelo visitantes. Aos 15 minutos, Keno cruzou, Junior Alonso cabeceou e Diego Alves fez grande defesa.

No entanto, o Flamengo conseguiu sair na frente. Aos 24 minutos, Arão lançou Isla que cruzou, Bruno Henrique desviou de cabeça e Michael apareceu para colocar o clube carioca na frente do placar.

Leia Também

Em vantagem no placar, o Rubro-Negro recuou e o Atlético-MG passou a ter total domínio na partida. Porém, desta vez, o clube carioca conseguiu se fechar bem. A única chance do Galo aconteceu em uma finalização fora de Guga de fora da área, que passou raspando o gol de Diego Alves.

O Atlético-MG voltou para o segundo tempo com uma mudança: Guga na vaga de Diego Costa. Porém, a primeira boa chance da etapa final foi do Flamengo. Michael fez bela jogada e exigiu do goleiro Everson. Aos 11 minutos, o Galo respondeu. Jair fez bela jogada e cruzou para Arana, que carimbou o travessão de Diego Alves.

Com a desvantagem no placar, Cuca fez mais mudanças na equipe. Mariano, Vargas e Savarino entraram nas vagas de Keno, Nacho e Zaracho. A partida ficou mais aberta. O Atlético-MG tinha a bola, mas oferecia muito espaço para o Flamengo em contra-ataques. No entanto, faltava capricho para o clube carioca matar a partida.

Aos 40 minutos, por pouco o Atlético-MG não empatou. Após levantamento para a área, Vargas desviou e Isla apareceu para cortar para trás, a bola passou muito perto do gol de Diego Costa e assustou os torcedores do Flamengo.

Nos últimos minutos, Renato Gaúcho fez substituições para fechar ainda mais a equipe. Rodinei e Bruno Viana entraram para segurar o placar. O Atlético-MG se esforçou, mas teve dificuldades e não conseguiu furar o bloquei do Flamengo, que ficou com os três pontos.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários