Jornalista da Band dispara contra Marcelinho Carioca após críticas contra Sylvinho: 'Faltou caráter'
Lance!
Jornalista da Band dispara contra Marcelinho Carioca após críticas contra Sylvinho: 'Faltou caráter'


O jornalista Vitor Guedes disse, em participação no 'Baita,Amigos' desta sexta-feira, no canal Bandsports, que 'faltou caráter' para Marcelinho Carioca no momento em que fez duras críticas ao trabalho de Sylvinho à frente do Corinthians, em entrevista concedida dentro da Neo Química Arena.

Marcelinho Carioca foi convidado para participar do programa do ex-goleiro e comentarista da Band Ronaldo Giovanelli, transmitida pela 'Corinthians TV'.

"O Sylvinho não sabe se comunicar com a massa, cabe a alguém da comunicação ajudar. Não é o Marcelinho, na TV oficial do clube. Isso para mim, faltou caráter. Minha forma de enxergar. O Ronaldo ficou numa saia justa. Você fica constrangido. Agora, ele estava no programa, você não imagina que ele fazer isso. Ele foi mal demais, o que surpreendeu zero pessoas", afirmou o jornalista.

Leia Também

O ex-jogador já havia tido a atitude condenada por Neto, durante 'Os Donos da Bola' . Na entrevista dada na TV do Timão, o ex-jogador cornetou o treinador a quem chamou de "amigo".

"Ele (Sylvinho) tem (capacidade), mas não está fazendo. Posso dizer porque tenho intimidade com ele, foi meu companheiro de quarto de 1995 a julho de 1999. Por isso que eu chamo ele de 'Vitamina' e tenho essa intimidade com ele. O Sylvinho sabe que o Gustavo Mosquito tem que jogar aberto, o Roger Guedes tem que botar aberto do outro lado. Chamar o GP e deixar ele ali no meio para construir. Chama o Giuliano e fala assim: 'o teu passe só está para o lado, amigo'. É para dar passe agudo, lançamento, arriscar, chutar. Aí é mole", disse.

O 'Pé de Anjo' cornetou até o estilo visual de Sylvinho em dias de jogos e comparou o amigo ao apresentador da Globo, Luciano Hulk.

"Por que está com aquela porra daquela camisa com a manga aberta igual ao Luciano Huck? Fecha a porra da manga ou então coloca um agasalho porque aqui é Corinthians, mano! A calça está apertada. Não tem nada a ver com a vida dele ou com a roupa dele, mas as pessoas falam, eu falo de boa. Estou de fora, não estou dentro do olho do furacão. O Sylvinho é terrão, o Sylvinho é Corinthians, ele ama o Corinthians e sabe o que representa o Corinthians, mas não é o Guardiola, aqui não é a Europa. Ele tem que colocar a panagem do Corinthians", finalizou.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários