Em jogo fraco, Fluminense perde a terceira seguida no Brasileiro e se aproxima do Z-4
[email protected] (O Dia)
Em jogo fraco, Fluminense perde a terceira seguida no Brasileiro e se aproxima do Z-4

Neste domingo, o Fluminense não fez a alegria dos pais e dos filhos tricolores. No Independência, o Tricolor voltou a jogar mal e foi derrotado por 1 a 0 pelo América-MG. A derrota foi a terceira consecutiva do clube das Laranjeiras no Brasileiro. Com 17 pontos, o Flu tem apenas três pontos de vantagem para o América-MG, primeiro clube dentro da zona de rebaixamento.

Novamente a equipe de Roger Machado voltou a demonstrar as fragilidades que vem sendo rotina na atual temporada. Com pouca inspiração, o Fluminense pouco assustou o América-MG. O Coelho também teve dificuldades, mas foi premiado com a vitória por ser a equipe que mais buscou o resultado positivo no Horto.

O primeiro tempo começou com o Fluminense criando uma boa oportunidade. Aos seis minutos, Nenê deu belo passa para Egídio, que se infiltrou bem na área do América-MG, o lateral finalizou cruzado e o goleiro Matheus Cavichioli salvou os donos da casa.

A resposta do América-MG veio aos 22 minutos. Após belo lançamento de Ademir, Felipe Azevedo dominou e finalizou por cima do gol. Três minutos, o Coelho chegou de novo. Ademir novamente iniciou a jogada que terminou com finalização de Fabrício por cima do gol de Marcos Felipe.

Você viu?

Aos 33 minutos, nova oportunidade dos donos da casa. Ademir recebeu passe e bateu forte, o goleiro Marcos Felipe apareceu bem e fez uma grande defesa, salvando o Fluminense.

No segundo tempo, a partida voltou em um ritmo ainda mais lento. As duas equipes não estavam inspiradas e facilitavam bastante o trabalho dos sistemas defensivos no Independência. 

Até que na primeira boa chance, o América-MG abriu o placar. Patrick cruzou, a bola passou pela área do Fluminense, Manoel rebateu errado e a bola sobrou para Ademir, que finalizou sem chances de defesa para Marcos Felipe, abrindo o placar. 

Atrás do placar, Roger Machado fez três mudanças, colocou John Kennedy, Abel Hernández e Ganso, porém, que teve chance de marcar foi o América-MG. Fabrício deu belo passe para Chrigor, ele finalizou para grande defesa de Marcos Felipe, que voltou a salvar o Fluminense.

Sem força de reação, o Fluminense não conseguiu criar chances de gol. O Coelho esteve mais próximo do segundo gol que o Tricolor do empate. Melhor para o clube mineiro que conquistou uma vitória importante para tentar fugir da zona do rebaixamento.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários