Lance

Lance

Sem sombra de dúvidas, o Fluminense é um dos clubes que mais investe nas categorias de base. Atrelado a isso, as conquistas sempre surgem. Este é o caso do Sub-14 do Tricolor, que conquistou a Libertadores da categoria, sendo um título inédito para o clube. Diante disso, o lateral-direito Luiz Miguel, em conversa exclusiva para o LANCE!, comentou sobre a sensação de levantar a taça, pincelou sobre as suas características e em quem se espelha.  

Messi dá show, faz 4 e Barcelona goleia Eibar no Campeonato Espanhol

Até o momento Luiz Miguel atuou em 105 jogos e balançou as redes duas vezes. No entanto, o atleta ainda não busca fazer muitos gols, porém se estabelecer na posição. Com as boas atuações, ele foi convidado para integrar o elenco do Sub-15 do Fluminense logo depois do Carnaval .

Lateral do Fluminense
Reprodução
Lateral do Fluminense




Com apenas 14 anos, o jogador comentou sobre as suas inspirações. O jovem citou Daniel Alves , que hoje está no São Paulo , mas que já passou por Barcelona , PSG e também vestiu a camisa da Seleção Brasileira . Além dele, o inglês Alexander - Arnold , que atua no Liverpool . O jogador se destacou no Mundial de Clubes contra o Flamengo e também na Liga dos Campeões .

"Meu maior ídolo na posição é o Daniel Alves , mas outro que eu também gosto muito e me espelho é o Arnold do Liverpool . Pretendo continuar nessa posição sim, pois gosto muito dela e já sou acostumado nela, mas se o treinador precisar eu faço outras sim", complementou.

Marta será tema de escola de samba neste sábado no Carnaval do Rio de Janeiro

Os dois nomes renomados na posição facilitou a ideia de jogo de Luiz . O garoto afirmou que vai bem na marcação, algo que o inglês sabe fazer muito bem. Do outro lado, ressaltou que gosta de chegar na área para finalizar, que é um elemento de Dani Alves .

"As minhas características são de marcação e apoio, na parte defensiva eu me saio bem, na ofensiva também. Sou um lateral que no ataque gosta muito de tabelar, chegar no fundo, de vez em quando entrar pelo meio, arriscar no gol", afirmou.

O jovem também destacou o título inédito na Copa Libertadores pelo Sub-14 .

Além da importância, ele frisou que a sua geração ficará marcada no Brasil e até na América do Sul .

"Primeiramente foi uma experiência sensacional, pois o Fluminense nunca ganhou esse título, e nós conseguimos dar esse título inédito para o clube. Além disso, cresce cada vez mais o nome do Fluminense na base. E também para nossa geração 2006 que teve um reconhecimento não só no Brasil , mas acredito que na América do Sul ", exaltou.

Para seguir com boas atuações pelo Fluminense , Luiz , de apenas 14 anos, já destacou que o apoio da família é muito importante para conquistas os objetivos.

"O apoio da família também é muito importante, pois estão comigo para tudo. E da agência empresarial também, estão sempre ajudando com tudo", completou.

Para se ter uma ideia da evolução da promessa, antes de ir para o campo foi para o futsal do clube, ainda em 2019 , quando também se destacou. Se permanecer com o foco, Luiz pode chegar aos profissionais, honrar o clube e ser mais um Moleque de Xerém para entrar na história. Agora, os pequenos guerreiros tricolores vão para o Mundial na Disney em julho.

    Veja Também

      Mostrar mais