Tamanho do texto

Bebê do esquiador caiu na piscina durante uma festa e morreu afogada; aos 40 anos de idade, Bode Miller conta com seis medalhas olímpicas

Bode Miller e sua filha Emmy
Reprodução
Bode Miller e sua filha Emmy

Uma triste notícia abalou o mundo dos esportes nesta última segunda-feira (11). O campeão olímpico de ski alpino, Bode Miller, perdeu sua filha, de apenas 19 meses. A pequenina Emmy faleceu afogada, depois de ter caído na piscina da casa de um vizinho, durante uma festa.

Leia mais: Jogadores da seleção se declaram para as namoradas neste Dia dos Namorados

De acordo com informações do jornal The Telegraph , o incidente com a filha do três vezes competidor das Olimpíadas de Inverno (2002, 2010 e 2014) aconteceu em Orange County, no estado norte-americano da Califórnia. Emeline Gier Miller foi encontrada inconsciente na piscina e em seguida, foi atendida por médicos no local da festa.

Leia também: Conheça a primeira mulher brasileira a participar das Paralimpíadas de inverno

A criança teve diversas tentativas de reanimação, no entanto, não resistiu e faleceu no hospital. "Tentaram durante muito tempo', afirmou o capitão dos bombeiros, Tony Bommarito. A morte de Emmy ainda está sob investigação e as autoridades tentam compreender o que, de fato, aconteceu até ela ter chegado na piscina.

Leia também: Atleta austríaco de snowboard quebra vértebra da cervical em PyeongChang

Luto

"Nós estamos além de devastados. Nossa pequena menina, Emmy, faleceu ontem. Nunca em milhões de anos nós pensamos que iríamos sentir tanta dor. Seu amor, sua luz e seu espírito jamais serão esquecidos. Nossa  filha amava a vida e a vivia todos os dias. Nossa família pede respeitosamente privacidade durante esse período doloroso", escreveu o esquiador Bode Miller em seu Instagram.