Equipe carioca saiu atrás no placar, porém reagiu e jogará por empate na partida de volta, no Engenhão

Herrera comemora o gol da virada do Botafogo contra o Guarani
Futura Press
Herrera comemora o gol da virada do Botafogo contra o Guarani
O Botafogo saiu na frente no confronto com o Guarani pela segunda rodada da Copa do Brasil. O Alvinegro de General Severiano derrotou o Bugre por 2 a 1 em partida disputada na noite desta quarta-feira no Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

Agora as duas equipes voltam a se enfrentar no próximo dia 18 no Engenhão e o Botafogo só precisa de um empate para se classificar. O Guarani se classifica com uma vitória por um gol de diferença desde que marque três gols em diante.

Leia mais: Palmeiras leva susto no começo, busca a virada e elimina jogo da volta

O resultado acabou premiando a maior objetividade do Botafogo que soube transformar em gols as oportunidades que apareceram. Já o Guarani criou boas chances para marcar mas seus atacantes desperdiçaram várias chances.

Confira ainda: Grêmio supera Ipatinga, mas não elimina jogo de volta

O Botafogo volta a jogar neste domingo contra o Friburguense pela Taça Rio. O Guarani enfrentará o Palmeiras pelo Paulistão.

Confira a tabela da Copa do Brasil

O jogo
Mesmo jogando fora de casa, o Botafogo começou a partida exercendo pressão sobre a defesa do Guarani. Aos nove minutos, Herrera foi lançado entre os zagueiros mas o goleiro Emerson saiu do gol e interceptou a jogada.

O time carioca era mais objetivo mas falhava muito na hora da conclusão. O Botafogo só voltou a incomodar aos 34 anos depois que uma cobrança de falta efetuada por Renato quase encontrou Herrera livre na pequena área.

Andrezinho tenta se equilibrar na vitória do Botafogo contra o Guarani
Gazeta Press
Andrezinho tenta se equilibrar na vitória do Botafogo contra o Guarani

Aos 36 minutos, o Guarani abriu o marcador. O Botafogo errou na saída de bola com Andrezinho e Fabinho enfiou para Bruno Mendes que mesmo marcado por vários jogadores conseguiu abrir espaço entre os adversários e colocou entre as pernas do goleiro Jéfferson.

O Botafogo partiu para buscar o gol do empate o que acabou conseguindo aos 44 minutos. Andrezinho cobrou falta na cabeça de Renato que mandou para as redes de Emerson. O ex-jogador do Guarani não festejou o gol marcado contra o clube que o projetou no futebol brasileiro.

O segundo tempo começou em ritmo muito lento com as duas equipes tocando bolas para os lados e pouco se arriscando ofensivamente.

O Guarani estava um pouco mais ofensivo e aos 17 minutos, Fabinho foi lançado pela direita e bateu com violência, o goleiro Jéfferson desviou e a bola ainda bateu na trave antes de sair. O time do Botafogo dava a impressão de que estava satisfeito com o resultado e parecia mais preocupado em fazer o tempo passar, mas acabou surpreendendo o Guarani e marcando o segundo gol aos 23 minutos com o argentino Herrera. Fellype Gabriel cruzou da esquerda, Renato recebeu e rolou para Herrera, livre na pequena área, bater e desempatar a partida.

FICHA TÉCNICA
GUARANI 1  X 2 BOTAFOGO

Local : Estádio Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas (SP)
Data : 4 de abril de 2012, quarta-feira
Horário : 21h50 (de Brasília)
Árbitro : Anderson Daronco (RS)
Assistentes : Tatiana de Freitas (RS) e José Chaves Filho (RS)
Cartão Amarelo : Neto, Thiaguinho, Oziel(Gua);Lucas, Marcelo Mattos, Andrezinho, Renato(Bota)
Gols : GUARANI: Bruno Mendes aos 36 minutos do primeiro tempo BOTAFOGO: Renato aos 44 minutos do primeiro tempo; Herrera aos 23 minutos do segundo tempo

GUARANI : Emerson; Oziel, Neto, Domingos e Bruno Recife; Wellington Monteiro, Fábio Bahia, Danilo Sacramento e Bruno Neves(Thiaguinho); Fabinho e Bruno Mendes(Ronaldo)
Técnico : Vadão

BOTAFOGO : Jéfferson; Lucas, Antônio Carlos, Fábio Ferreira e Márcio Azevedo; Marcelo Mattos, Renato, Fellype Gabriel(Caio), Elkeson e Andrezinho; Herrera(William)
Técnico : Oswaldo de Oliveira

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.