Entidade europeia afirma que mesmo sem denúncias, caso transação de Neymar aconteça, irá investigar ida do brasileiro para o clube francês

Cláusula de rescisão de Neymar com o Barcelona é de R$ 815 milhões
Reprodução
Cláusula de rescisão de Neymar com o Barcelona é de R$ 815 milhões

A Uefa anunciou nesta segunda-feira (31), que irá investigar a transação de Neymar para a equipe do Paris Saint-Germain, caso seja concretizada. A União das Federações Europeias de Futebol afirmou ainda que o feito irá acontecer mesmo se nenhuma denúncia for feita. Desta forma, busca-se garantir que "se respeitem as regras de fair play financeiro".

LEIA TAMBÉM: Neymar vale mais que muito clube de ponta da Europa; veja a lista

A notícia foi dada por Andrea Traverso, diretor-executivo de fair play financeiro e sustentabilidade da Uefa, à agência "EFE". De acordo com o dirigente, a entidade europeia ainda não recebeu nenhuma denúncia sobre o caso mas alega que "a potencial contratação de Neymar pelo PSG teria impacto por muitos anos na economia do clube".

LEIA TAMBÉM: Time de Manaus entra na briga por Neymar e oferece açaí e farinha como pagamento

"O PSG deve respeitar as regras do fair play financeiro como todos os clubes da Europa. Eles devem demonstrar que perderam mais de 30 milhões de euros em três anos. A potencial contratação de Neymar pelo PSG teria impacto por muitos anos na economia do clube. É muito difícil julgar este tipo de operação com antecedência, nós não sabemos os planos do clube francês. Eles podem vender alguns jogadores por um preço similar ou superior. Podemos só concluir depois de cálculos e assegurar que as regras sejam cumpridas", disse Traverso.

Questionado sobre o cuidado dos clubes europeus após a implantação do fair play financeiro por parta da entidade, o dirigente afirma que "os clubes são plenamente conscientes das regras e o fato de as dúvidas dos clubes europeus terem baixado de 1,7 bilhão de euros em 2011 a menos de 300 milhões atualmente mostra que o fair play financeiro teve um impacto positivo na estabilidade e sustentabilidade do futebol europeu". "Mas sempre há margem de melhor e estamos analisando várias possibilidades para reforçar o fair play financeiro", completou Andrea Traverso.

LEIA TAMBÉM: Neymar já comunicou companheiros de Barcelona que vai para o PSG, diz jornal

Novela Neymar

Ainda de acordo com o periódico catalão, durante um treino do Barça em Miami na última quinta-feira (27), Neymar teria comunicado aos companheiros do clube espanhol que irá para o Paris Saint-Germain. A publicação diz que o PSG pagará a quantia astronômica da rescisão contratual que está firmada no valor de 222 milhões de euros (mais de R$ 800 milhões) ainda nesta semana.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.