Em semana de definição no Estadual, time paranaense não saiu da igualdade em 1 a 1 no ABC paulista

Vivendo uma semana de definição no Estadual, o Paraná Clube mudou seu foco momentaneamente para a Copa do Brasil e em sua estreia no Estádio 1º de Maio empatou com o São Bernardo, por 1 a 1, um resultado interessante fora de casa. O jogo foi marcado pela falta de energia, que quase colocou em risco a realização do duelo.

A equipe paranista abriu o placar aos 39 minutos, com Giancarlo, que recebeu o lançamento e bateu para balançar as redes. O empate veio aos 45 minutos, com Marino, que aproveitou vacilo da defesa para deixar tudo igual.

As duas equipes voltam a se encontrar no dia 10 de abril, uma quinta-feira, na Vila Capanema, em Curitiba. Com o resultado, a vantagem do empate sem gols é do Paraná Clube. Uma vitória simples dá a vaga para qualquer um dos times.

Após um atraso de 40 minutos para o inicio da partida pela falta de energia elétrica no estádio da Vila Euclides, a bola rolou. Aos dois minutos, Eduardo cobrou falta rapidamente na área e a defesa paranista, atenta, afastou o perigo. O jogo era corrido, mas sem muita criatividade das equipes. Aos 11 minutos, Júlio César tentou a tabela com Giancarlo e parou na defesa do Tigre.

Chute a gol mesmo somente aos 16 minutos com GiI, que arriscou de longe para boa defesa de Marcos. Gil tentou mais uma vez, aos 18 minutos, e parou na defesa tricolor. Boa troca de passes entre Bady e Rafael Cruz, aos 24 minutos, e o lateral arrematou na rede, pelo lado de fora. Teve gente gritando gol no lance.

O São Bernardo parecia perto do gol e, aos 36 minutos, Bady recebeu em ótima posição para fuzilar e parar em uma grande defesa de Marcos. Depois de segurar a pressão, o Tricolor chegou ao gol. Aos 39 minutos, o artilheiro paranista, Giancarlo, recebeu o lançamento e bateu para balançar as redes e fazer seu décimo gol na temporada. O empate veio aos 45 minutos, com Marino, que aproveitou vacilo da defesa para deixar tudo igual.

Para o segundo tempo, nenhuma mudança nas equipes. Aos dois minutos, Roniery cobrou escanteio fechado e Castán conseguiu fazer o corte. A partida era truncada, muito brigada no meio-campo, com algumas tentativas infrutíferas de puxar algum ataque. Com isso os treinadores começaram a mexer nos times, tentando algo mais. Aos 19 minutos, Giancarlo subiu na área, e testou prensado com a defesa, desperdiçando a chance.

Para dar um basta na monotonia, Bady, aos 23 minutos, arriscou uma bicicleta que sobrou para Gil desviar pela linha de fundo. Aos 28 minutos, o estreante Henrique recebeu próximo da área e chutou direto para fora. Em cobrança de falta, Jean Carlos quase decretou a virada, aos 34 minutos, mas Marcos salvou. Cambará ainda tentou um chute forte, aos 44 minutos, à direita da meta.

FICHA TÉCNICA
SÃO BERNARDO 1 X 1 PARANÁ

Local: Estádio 1º de Maio, em São Bernardo do Campo (SP)
Data: 20 de março de 2014, quinta-feira
Horário: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Flavio Henrique Coutinho Teixeira (MG)
Assistentes: Mario Jorge Ferreira Lima (AC) e Rener Santos de Carvalho (AC)
Cartões amarelos: Toty (Paraná)

Gols: SÃO BERNARDO: Marino, aos 45 minutos do primeiro tempo
PARANÁ: Giancarlo, aos 39 minutos do primeiro tempo

SÃO BERNARDO: Wilson Júnior; Rafael Cruz, Fernando Lombardi, Luciano Castan e Eduardo; Marino, Daniel Pereira, Wiliam Favoni e Bady (Jean Carlos); Eliomar Bombinha (Walterson) e Gil
Técnico: Edson Boaro

PARANÁ CLUBE: Marcos; Toty (Léo), Brinner, Naylhor e Breno; Ricardo Conceição (Elyeser), Cambará, Elton e Roniery; Júlio César (Henrique) e Giancarlo.
Técnico: Milton Mendes

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.