Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

CBF adia jogo entre Flamengo e Atlético-MG e clube carioca agradece decisão

Partida aconteceria sábado no Engenhão, mas devido a estado do gramado, entidade adiou reencontro de Ronaldinho com o Flamengo

iG São Paulo |

Divulgação
Gramado do Engenhão sofre no Brasileiro. Botafogo, Flamengo e Fluminense mandam jogos no estádio

O Flamengo se manifestou nesta quarta-feira e fez um agradecimento à CBF, através de nota oficial divulgada no seu site, pela decisão de adiar a partida contra o Atlético Mineiro, que estava marcada para ser disputada neste sábado, no Engenhão, pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro. O jogo marcaria o reencontro de Ronaldinho Gaúcho com seu antigo clube.

Leia também: Ronaldinho se torna cidadão honorário de Belo Horizonte

A nova data do duelo ainda não foi definida pela CBF, que atendeu a um pedido do Flamengo para adiar o confronto. No início desta semana, o Botafogo pediu a "interdição" do Engenhão, em razão da situação ruim do gramado. Diretor de competições da CBF, Virgilio Elísio visitou o estádio e, depois disso, atendeu a solicitação do clube da Gávea.

E mais: Após críticas, Botafogo diminuirá número de jogos no Engenhão

"O Flamengo parabeniza o Diretor de Competições da CBF, Virgilio Elisio, pela pronta ação de comparecer ao Estádio João Havelange para fazer a vistoria do campo, e depois tomar uma decisão imediata, como impunha a circunstância", afirmou o Flamengo, em nota oficial.

"O clube reconhece, desde o primeiro momento, o caráter saudável da medida de interdição do Estádio, a despeito da surpresa causada pela correspondência recebida, segunda-feira às 19hs, relativa à partida do sábado seguinte. O presidente da Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj), Rubens Lopes, também cumpriu seu papel ao compreender o caráter agudo desta questão", completa o Flamengo.

A nova data do confronto entre Flamengo e Atlético-MG ainda não foi definida pela CBF. "O Flamengo, desde logo, acata com disciplina e confiança a decisão da CBF sobre a nova data, posto repousar no equilíbrio e competência do seu Diretor de Competições", finaliza o clube carioca.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG