Tamanho do texto

Atual campeão largou na 14ª posição, mas aproveitou erro primário do alemão e agora tem 17 pontos de vantagem na ponta do campeonato

O britânico Lewis Hamilton, da Mercedes, venceu neste domingo o Grande Prêmio da Alemanha de Fórmula 1 , no circuito de Hockenheim, e reassumiu a liderança do campeonato. Sebastian Vettel , da Ferrari, que se encaminhava para a vitória, bateu na 52ª volta sozinho e abandonou.

Leia também: Tetracampeão da Fórmula 1, Lewis Hamilton renova com a Mercedes até 2020

Lewis Hamilton aproveitou falha de Vettel, peitou a equipe e venceu o GP da Alemanha de 2018
Divulgação/F1
Lewis Hamilton aproveitou falha de Vettel, peitou a equipe e venceu o GP da Alemanha de 2018

Hamilton largara em 14º lugar por causa de um problema de motor no treino de classificação, mas conseguiu fazer uma corrida de recuperação e chegar às primeiras posições. No entanto, contou com a sorte para assumir a ponta: na volta 52, a Ferrari de Vettel escorregou na pista molhada de Hockenheim e bateu na barreira de proteção.

Logo depois da batida do alemão, a equipe Mercedes estava pronta para fazer uma segunda troca de pneus no carro de Lewis, mas ele não obedeceu e permaneceu na pista, o que fez ele assumir a liderança após Valtteri Bottas e Kimi Raikkonen trocarem seus pneus. A equipe, no entanto, foi importante ao intervir quando o safety car deixou a pista e o finlandês atacou o britânico.

Leia também: "Não sei se vou continuar", diz Fernando Alonso sobre futuro na Fórmula 1

"É muito difícil vencer a partir desta posição (14º), mas você sempre tem que acreditar. Continuei acreditando e aconteceu", falou o tetracampeão mundial logo após sair do carro.

Os finlandeses Valtteri Bottas (Mercedes) e Kimi Raikkonen (Ferrari) completaram o pódio. Max Verstappen (Red Bull) ficou em quarto lugar, à frente de Nico Hulkenberg (Renault). Também terminaram na zona de pontos: Romain Grosjean (Haas), Sergio Pérez (Force India), Esteban Ocon (Force India), Marcus Ericsson (Sauber) e Brendon Hartley (Toro Rosso).

Leia também: Volta das grid girls à F1 anima Vettel e Hamilton: "Gosto de mulheres"

Vantagem de Hamilton na liderança

Hamilton comemora vitória no GP da Alemanha
Divulgação/Ansa
Hamilton comemora vitória no GP da Alemanha

Com o resultado, Lewis Hamilton , atual campeão da Fórmula 1, que chegara à Alemanha oito pontos atrás de Sebastian Vettel, agora abriu 17 para o rival (188 a 171). Esta foi a vitória de número 66 do britânico de 33 anos - à frente dele, somente Michael Schumacher, com 91. O próximo Grande Prêmio será em 19 de julho, na Hungria.